A CRÍTICA CULTURAL Marxista

  • Maria Elisa Cevasco

Resumo

A história da crítica cultural hegemônica no século XX foi a da negação sistemática das ligações formativas entre a produção artística e a realidade só- cio-histórica. É certo que esse século conheceu, também por conta da expansão inédita dos meios de comunicação e de reprodução e da própria pesquisa universitária, uma enorme variedade de métodos e modas teóricas. Muitas delas   até concordariam que o social funciona como pano de fundo, mas a grande maioria rejeita a ligação estruturante entre cultura e sociedade.

Publicado
2017-09-22