FATORES DA EXPANSÃO DO COMPLEXO SOJICULTOR NO TERRITÓRIO BRASILEIRO

  • Margarida Cássia Campos

Resumo

O presente artigo é fruto das discussões do segundo capítulo da tese de doutorado intitulada: A EMBRAPA/SOJA em Londrina-PR a pesquisa agrícola de um país moderno que analisou a criação da EMBRAPA/Soja em Londrina como parte integrante do projeto nacional desenvolvimentista, idealizado a partir da década de 1930. E tem como objetivo discutir as principais políticas estatais que deram fomento a expansão da soja no Brasil. A expansão da soja no território nacional a partir da década de 1960 teve influencia direta da demanda internacional por essa oleaginosa, além de atender a demanda interna, proveniente da crescente urbanização e mudança nos hábitos de alimentação da população brasileira. Assim, as políticas agrícolas após o deslanche do processo de modernização da agricultura (1964) beneficiaram as culturas de caráter comercial direcionada a exportação em particular a soja. Dentre as políticas implementadas pelo Estado que beneficiaram direta e indiretamente a expansão da soja no território nacional destacam: o crédito rural, programa de preços mínimos, incentivo ao plantio de trigo, POLOCENTRO, PRODECER dentre outros.
Publicado
2010-05-01
Seção
Artigos