ISSN 2594-8407

Foco e Escopo

Missão:

A Revista Ateliê do Turismo (AT) é um periódico on-line que publica artigos e ensaios originais que contribuem para o avanço do conhecimento do Turismo e Hospitalidade, em suas diversas interfaces com outras áreas. Com periodicidade semestral, a revista conta com a contribuição de autores nacionais e internacionais, contemplando como missão proporcionar um espaço de diálogo, difusão e reflexão científica, proporcionando o fomento, acessibilidade e disseminação dos estudos acadêmicos e científicos relacionados ao Turismo e Hospitalidade. Com abrangência nacional e internacional, os trabalhos escritos podem ser enviados em português, espanhol e inglês. A revista também prevê a publicação de entrevistas, relatos de experiências e resenhas de interesse à comunidade científica da área.

A partir dessa propositura, nasce a Revista Ateliê do Turismo, no ano de 2017, como um espaço de sociabilidade para a troca de informações e publicações de trabalhos, artigos e resenhas críticas referentes às temáticas relacionadas ao turismo/hospitalidade/lazer e áreas afins.

 

Tipos de manuscritos aceitos para publicação:

Artigos de Pesquisa – Podem ser estudos empíricos ou conceituais, com no máximo 10.000 palavras

Artigos de Revisão –  Podem ser estudos com anotações e críticas a literatura de um determinado campo do conhecimento do turismo, hospitalidade e lazer, com no máximo 10.000 palavras;

Notas de Pesquisa – São comunicações breves com relatos concisos, curtos sobre um tema específico de pesquisa, tópico, bem como desenvolvimento de uma teoria ou método, com no máximo 3000 palavras;

Ponto de Vista – Opinião e interpretação de um investigador com titulação obrigatória de Doutorado e/ou Estágio Pós-Doutoral para pesquisa e prática. Este tipo de manuscristo não deve exceder 3000 palavras;

Importante: a Ateliê do Turismo segue o processo de fluxo contínuo (na prática isso significa que à medida que um artigo esteja pronto e editorado, ele será publicado). Esta ação segue as tendências das publicações científicas internacionais), com exceção dos dossiês temáticos, cuja publicação depende da abertura de chamadas, propostas por um(a) ou mais organizadores(as). São aceitas contribuiç˜ões em português, inglês e espanhol.

 

Processo de Avaliação pelos Pares

Todas as contribuições passam pelo mesmo processo avaliativo e editorial após a submissão online. O tempo estimado entre a submissão do texto e o resultado da avaliação com estimativa para sua publicação são de, no m´áximo, doze semanas.

Etapas do Processo de submissão:

  1.  Etapa da Submissão on line. Cadastro e submissão. O(s) autor(es) devem seguir o processo de Diretrizes para Autores. Importante: O(s) autor(es) deve(m) preencher todos os campos do metadados para publicação do artigo;
  2.  Etapa de Análie  O artigo é analisado pela Equipe Editorial, que avalia a adequação às normas da revista e da proposta.
  3.  Etapa de Avaliaçãopor pares ad hoc. Caso satisfaça as condições de publicação, o artigo é encaminhado a dois/duas pareceristas ad hocpara avaliação às cegas por pares.
  4.  Etapa de Avaliação. Na fase da avaliação cega por pares, os(as) pareceristas podem recomendar o aceite, a recusa ou modificações, sendo que estas deverão ser respondidas pelo(a) autor(a) na cor vermelha. Caso haja apontamentos para modificações, o(a) autor(a) será informado(a) e convidado(a) a adequar o manuscrito.
  5.  Etapa de Diagramação e Publicação. As modificações serão avaliadas novamente pela equipe editorial e, se for necessário, pelos(as) pareceristas. Se houver recomendações conflitantes na primeira avaliação às cegas por pares, a equipe editorial enviará o manuscrito para um(a) terceiro(a) e/ou até quarto parecerista ad hoc.
  6. Resenhas e Ensaios são avaliadas pela equipe editorial, havendo coordenação de um editor de seção. Caso seja julgado necessário, essas contribuições podem ser encaminhadas a pareceristas ad hoc.

Na apresentação dos trabalhos, analisa-se

  1. Quanto a relevância, adequação e expressão do título ao tema abordado;
  2. Adequação do resumo ao tema (com o objeto de pesquisa, justificativa, objetivo, metodologia, resultado);
  3. A boa representação das palavras-chave;
  4. Se o texto está estruturado com boa organização (conforme as diretrizes para autores).

Quanto ao conteúdo, avalia-se 

  1. A boa e correta escrita da língua portuguesa e/ou de outra língua submetida;
  2. O enfoque do artigo quanto ao dossiê temático, ou pesquisa livre relacionado ao turismo e hospitalidade;
  3. A clareza do tema e dos objetivos do trabalho;
  4. A clara argumentação e a sequência lógica;
  5. A adequação da metodologia aplicada;
  6. E a correspondência das conclusões ao trabalho desenvolvido.

Por sua vez, quanto a originalidade, investiga-se 

  1. Se o artigo apresenta uma boa contribuição ao campo de conhecimento;
  2. Se contém enfoque novo;
  3. Se há algum problema com plágio/cópia da internet (mediante aplicativo usado de nome CopySpider.

Por fim, averígua-se as citações, referências e ilustrações (quanto às questões de normatização) 

  1. Se o texto apresenta o sistema de citação Autor/Data;
  2. Quando há ilustrações, as mesmas estão inseridas no texto respeitando as Diretrizes autoria;
  3. A correta aplicação das Referências, conforme normas APA 6 Edição (2017) American Psychological Association.

Importante: Todos os artigos são analisados com um sistema detector de plágio - CopySpider e/ou outro disponível na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. 

 

Periodicidade

Periódico científico eletrônico semestral (mínimo 2 números ano), publicado em português, espanhol e/ou inglês. A Revista Ateliê do Turismo, tem como objetivo publicar estudos, pesquisas e relatos de experiência de docentes, pesquisadores e profissionais na área deTurismo, Hospitalidade e Lazer.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento. Este periódico está licenciado com uma Licença https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR

 

Preservação e Arquivamento

Este periódico faz parte da Cariniana - Rede Brasileira de Serviços de Preservação Digital, do qual adota o Programa LOCKSS (Stanford University). O status da revista no arquivamento pode ser confirmado em https://portal.issn.org/resource/ISSN/2594-8407#

 

Declaração de Direito Autoral

Direitos Autorais para artigos publicados neste periódico são do autor, com direitos de primeira publicação para a revista, com o trabalho licenciado simultaneamente sob uma licença Creative Commons. Em virtude de os artigos serem publicados nesta revista de acesso público, eles são de uso gratuito, com atribuições próprias, não-comerciais.

 

Autoria

De acordo com as recomendações dadas pelos indexadores de periódicos, serão respeitados os limites de trabalhos de autores vinculados à Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e a comissão editorial. A cada ano, não serão publicados mais de um trabalho do mesmo autor.

 

Responsabilidade sobre o conteúdo

Nenhuma das instituições, organizações e/ou pessoas envolvidas nos conselhos, comitês ou processo de editoração e gestão da revista se responsabilizam pelo conteúdo dos artigos. Tal responsabilidade é inteiramente dos autores dos respectivos artigos.

Todos os autores devem ter participado na elaboração dos artigos de modo que possam assumir publicamente a responsabilidade pelo seu conteúdo. A qualificação como autor deve pressupor as seguintes etapas:

  1. concepção e o delineamento ou a análise e interpretação dos dados,
  2. redação do artigo ou a sua revisão crítica, e
  3. aprovação da versão a ser publicada.

Cobranças de Taxas

A Ateliê do Turismo não cobra qualquer taxa para submissão, avaliação e/ou publicação de artigos, resenhas e ensaios.