Percepção dos moradores de Foz do Iguaçu em relação à hotelaria local e a sustentabilidade do destino

  • Jaqueline Becker Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Rosislene de Fátima Fontana
Palavras-chave: Hotelaria; Percepções da Sustentabilidade; Foz do Iguaçu.

Resumo

Este estudo aborda as percepções dos moradores de Foz do Iguaçu sobre a hotelaria local a partir da ótica voltada à sustentabilidade, ou seja, tem por objetivo analisar quais as percepções dos moradores locais quanto à sustentabilidade hoteleira em Foz do Iguaçu-PR. Foz do Iguaçu é um importante destino turístico internacional, tendo o turismo como sua principal atividade econômica, movimentando a economia local. A hotelaria de Foz do Iguaçu contribui significativamente para o fluxo turístico da localidade, possibilitando as mais variadas tipologias de meios de hospedagem, para todas as classes sociais. Entretanto, poucos estudos tem sido feitos para identificar o real impacto que esta atividade (hospedagem) exerce sobre o destino, principalmente nos quesitos da sustentabilidade econômica, social e ambiental. Para atingir ao objetivo proposto, utilizou-se dos seguintes recursos metodológicos: pesquisa de natureza aplicada, exploratória, descritiva, estudo bibliográfico e documental. Trata-se ainda de um estudo de caso, utilizando o questionário como instrumento de coleta de dados aplicado junto à 228 moradores da cidade de Foz do Iguaçu, onde foram observados e analisados os perfis dos respondentes e as percepções (positivas e negativas) dos moradores da cidade a partir da ótica da sustentabilidade, por meio de análises descritivas com apoio de gráficos para um melhor entendimento. Obteve-se como resultado do estudo que, as percepções dos residentes de Foz do Iguaçu, no que tange ao conhecimento das iniciativas ambientais e sociais ainda são pouco difundidas pelos hoteleiros de acordo com as respostas do questionário, na questão econômica os residentes reconhecem a importância desse setor para a economia da cidade citando contribuições da mesma para o desenvolvimento local.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jaqueline Becker, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Bacharela em Hotelaria pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). E-mail: jaquelinebecker200@gmail.com

Rosislene de Fátima Fontana

Doutora em Turismo e Hotelaria pela Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI). Professora do Curso de Hotelaria e do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Rural Sustentável da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). E-mail: rosislene.fontana@unioeste.br

Referências

Camargo, L. O. L. (2004). Hospitalidade (2.ed). São Paulo: Aleph.

Camargo, L. O. L. (2019) Hospitalidade, Turismo e Lazer. Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, São Paulo, 13 (3), 1-15. DOI: http://dx.doi.org/10.7784/rbtur.v13i3.1749

Comissão Mundial Sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento (CMMAD). (1991). Nosso futuro comum. Recuperado de https://bityli.com/gM8KQ

Dall'Agnol, S. (2012, novembro). Impactos do turismo X Comunidade local. Anais do VII Seminário de Pesquisa em Turismo do Mercosul, Caxias do Sul, Brasil. Recuperado de https://bityli.com/wS4QJT

Dencker, A. F. M. (1998). Métodos e Técnicas de Pesquisa em Turismo (2.ed). São Paulo: Futura.

Elkington, J. (1996). Triple bottom line revolution: reporting for the third millennium. Australian CPA, 69, 75.

Ferreira, J. C., Bertolini, G. R. F., & Brandalise, L. T. (2019). Análise do nível de sustentabilidade da rede hoteleira de Foz do Iguaçu-PR. Revista Turismo Visão e Ação, Balneário Camburiú Santa Cantarina, Brasil. 21 (2), 102-127. DOI: 10.14210/RTVA,v21,n2,p102-127

Gil, A. C. (2002). Como elaborar projetos de pesquisa (4.ed). São Paulo: Atlas.

Gil, A. C. (2008). Métodos e Técnicas de Pesquisa Social (6.ed).São Paulo: Atlas.

Grinover, L. (2007). A hospitalidade, a cidade e o turismo. São Paulo: Aleph.

Grinover, L. (2009). A hospitalidade na perspectiva do espaço urbano. Revista Hospitalidade, 6(1), 4-16. Recuperado de https://www.revhosp.org/hospitalidade/article/view/214

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. (2019). Foz do Iguaçu. Recuperado de <https://cidades.ibge.gov.br/brasil/pr/foz-do-iguacu/panorama>.

Inventário Técnico de Estatísticas Turísticas. (2018). Foz do Iguaçu. Recuperado de http://www.pmfi.pr.gov.br/ArquivosDB?idMidia=105095

Inventário Turístico da Prefeitura de Foz do Iguaçu. (2014). Foz do Iguaçu. Recuperado de http://www.pmfi.pr.gov.br/ArquivosDB?idMidia=75475

LASSU – USP. (2019). Pilares de sustentabilidade. São Paulo. Recuperado de https://bityli.com/25r89v

Martins Junior, J. (2011). Como escrever trabalho de conclusão de curso: instrução para planejar e montar, desenvolver, concluir, redigir e apresentar trabalhos monográficos e artigos (5a ed.) Petrópolis, Rj: Vozes.

Mauss, M. (2003). Sociologia e Antropologia. São Paulo: Cosac Naify.

Neres, A. P. C., & Bomfim, N. R. (2012, dezembro). A percepção do espaço turístico urbano pela comunidade de Ilhéus – Bahia. Caminhos de Geografia, 13(44), 01-14.

Oliveira, L. R., Medeiros, R. M., Terra, P. B., & Quelhas, O. L. G. (2012). Sustentabilidade: da evolução: Estratégia nas organizações. Produção, 22(1), 70-82. DOI: 10.1590/S0103-65132011005000062

Pereira, R. M. F. do A. (2015). Origens, evolução e tendências do setor hoteleiro de balneário Camboriú/SC. Turismo – Visão e Ação, 17(2), 508-537. DOI: 10.14210/rtva.v17n2.p508-537

Petrocchi, M. (2007). Hotelaria: planejamento e gestão (2.ed.). São Paulo: Pearson Prentice Hall.

Silva, K. C. M. da. (2004). A Importância do Turismo para o desenvolvimento econômico do estado do Espírito Santo. Trabalho de Conclusão de Curso, Universidade Federal do Espírito Santo - EFES, Vitória, ES, Brasil.

Spolon, A. P. G., Moraes, E. A., Rosa, L. G., & Silva, W. C. D. (2011). Hospitalidade (Vol. 1). Rio de Janeiro: Fundação CECIERJ.

Venturini, L. D. B., & Lopes, L. F. D. (2015). O modelo triple botton line e a sustentabilidade na administração pública: Pequenas praticas que fazem a diferença, Trabalho de Conclusão de Curso de Especialização), Universidade Federal de Santa Maria – UFSM, Santa Vitória do Palmar, RS, Brasil. Recuperado de https://repositorio.ufsm.br/handle/1/11691?show=full

Publicado
2021-11-16
Como Citar
Becker, J., & de Fátima Fontana, R. (2021). Percepção dos moradores de Foz do Iguaçu em relação à hotelaria local e a sustentabilidade do destino. Ateliê Do Turismo, 6(1), 39-55. Recuperado de https://periodicos.ufms.br/index.php/adturismo/article/view/12548
Seção
ARTIGOS