RELATO DE PRÁTICA

Educação empreendedora frente às crises 2020

  • Caroline Gonçalves Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Jacques Marcovitch Universidade de São Paulo
  • Alexandre Macchione Saes Universidade de São Paulo
  • Fernando Thiago Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Resumo

No ano de 2017 iniciou-se na Universidade de São Paulo um curso denominado “Pioneirismo e Educação Empreendedora” voltado para professores e educadores que deveriam, inspirados pelos feitos de pioneiros e empreendedores brasileiros, elaborar projetos empreendedores para sua região de atuação profissional, que envolvessem o aprendizado e a multiplicação de ações empreendedoras junto a seus alunos e comunidade do entorno. Tanto estes professores como outros educadores da área de empreendedorismo no país tiveram seus projetos e realizações afetados pela pandemia da Covid-19 no ano de 2020. A atuação das Universidades brasileiras na busca por soluções para os problemas advindos da pandemia, uniu assim pesquisadores da USP e da UFMS para a promoção de um Fórum conjunto de discussão, o “Fórum Educação Empreendedora Frente às crises 2020”, projeto proposto e aprovado por edital de projetos da UFMS. Este relato de prática, portanto, apresenta os resultados de duas percepções principais. Em primeiro lugar, as principais lições obtidas por meio das exposições dos participantes oriundos do curso, com vistas a espelhar boas práticas empreendedoras. Em segundo lugar, uma visão crítica sobre o próprio modelo de realização deste encontro realizado online, indicando as metodologias adotadas para o preparo e realização, bem como dificuldades e desafios.

Biografia do Autor

Caroline Gonçalves, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Doutorado em Administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - USP, Brasil(2016)
Docente da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul , Brasil

Jacques Marcovitch, Universidade de São Paulo

Formado em Administração em 1968 pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP, Jacques Marcovitch realizou seu mestrado na Owen Graduate School of Management, Vanderbilt University, e obteve o grau de doutor pela USP em 1973. Tornou-se reitor da USP, entre os anos de 1997 e 2001. Em 2016 recebeu o título de professor emérito da FEAUSP.

Atuou também no setor público. Foi presidente das Companhias de Energia do Estado de São Paulo, entre 1986 e 1987. No ano de 2002, foi secretário de Economia e Planejamento do Estado de São Paulo.

Atualmente é Professor Sênior da FEAUSP e do IRI-USP (Instituto de Relações Internacionais da Universidade de São Paulo). É membro do Conselho Superior do Graduate Institute of International and Development Studies (IHEID) em Genebra, Suíça.

Alexandre Macchione Saes, Universidade de São Paulo

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2003), e doutorado em História Econômica pelo Instituto de Economia da Unicamp (2008). Tem experiência na área de História Econômica e Formação Econômica e Social do Brasil, atuando principalmente nos seguintes temas: constituição do capitalismo, urbanização e industrialização no Brasil.

Publicado
2020-10-31
Como Citar
GONÇALVES, C.; MARCOVITCH, J.; SAES, A. M.; THIAGO, F. RELATO DE PRÁTICA. Encontro Internacional de Gestão, Desenvolvimento e Inovação (EIGEDIN), v. 4, n. 1, 31 out. 2020.
Seção
EIXO 4 - Relato de Prática - Educação e Sociedade