TRABALHO DAS MULHERES EM UMA INDÚSTRIA DE UNIFORMES EM NAVIRAI MS

Resumo

O objetivo geral da análise foi contextualizar e descrever o trabalho da mulher no modo de produção capitalista e, consequentemente, entender o papel desempenhado por elas no mundo do trabalho e as desigualdades produzidas nessa relação. Tendo como objetivo específico analisar esse processo dentro de uma confecção de uniformes industriais na cidade de Naviraí /MS. A pesquisa foi desenvolvida no setor de produção da indústria Eduforme e tem o caráter qualitativo. Foi aplicado um questionário que fez o levantamento das informações sobre a renda média, grau de instrução, estado civil e a média de filhos. Quando se trata de uma pesquisa qualitativa os seus dados serão analisados a partir do questionário respondido e sopesados. Segundo André e Ludke (1986) analisar os dados qualitativos significa “trabalhar” todo material obtido durante a pesquisa, ou seja, os relatos das observações, as transcrições de entrevistas, as demais informações disponíveis.  Concluímos que no capitalismo as relações de gênero perpassam as questões de lutas de classes, apesar de que a estrutura de classes contribui, ainda mais, na exploração do trabalho da força de trabalho feminina.

Palavras-chave: Relações de gênero, Trabalho das Mulheres, Capitalismo.

Biografia do Autor

Silvino Areco, Universidade Federal de Mato grosso do Sul
Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2003), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2008) e doutorado em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2013). Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Ciência Política, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação, Sociedade, Instituições Religiosas, Politica e Companhia de Jesus.
Publicado
2021-10-08
Como Citar
ARECO, S.; BARBOSA LEAL, G. TRABALHO DAS MULHERES EM UMA INDÚSTRIA DE UNIFORMES EM NAVIRAI MS. Encontro Internacional de Gestão, Desenvolvimento e Inovação (EIGEDIN), v. 5, n. 1, 8 out. 2021.