UM ESTUDO DO SISTEMA DE ACOMPANHAMENTO DE GESTÃO (SAG) DO EXÉRCITO BRASILEIRO COMO FERRAMENTA DE CONTROLE INTERNO

Amon Ravazzano José de Castro, Márcia Maria dos Santos Bortolocci Espejo, Natália Fernandes Silveira

Resumo


Para garantir a legitimidade e correta utilização dos recursos, o Exército Brasileiro estruturou um sistema de controle interno - Sistema de Acompanhamento de Gestão (SAG). O sistema busca acompanhar o emprego dos recursos públicos utilizados pelas unidades gestoras. O objetivo desta pesquisa é verificar a utilidade do SAG como ferramenta de controle interno pela perspectiva de seus usuários. Para tanto, foi utilizada a ISO/IEC 25010:2011 como base norteadora para a elaboração dos construtos de sistemas de informação a serem avaliados. A estratégia de pesquisa utilizada foi um estudo de caso com usuários do SAG de unidades do Exército de uma cidade localizada na região centro-oeste, tendo como principal instrumento de coleta de dados a entrevista semiestruturada por meio da técnica de análise de conteúdo. Foi constatado que o sistema apresenta a possibilidade de atingir a totalidade das atividades de execução orçamentária, financeira e patrimonial bem como a capacidade de otimizar o tempo de seus usuários. Em contrapartida, o sistema não disponibiliza suas informações em tempo real, apresentando somente as informações do dia anterior. Evidenciou-se que o SAG é um sistema inovador que contribui sobremaneira para o desenvolvimento das atividades de controle interno das unidades gestoras do Comando do Exército Brasileiro.


Texto completo:

PDF

Referências


Acesso de Usuários. 5ª Inspetoria de Contabilidade e Finanças do Exército. Recuperado em 8 de Novembro de 2017, de http://www.5icfex.eb.mil.br/index.php/satt-acesso-usuarios-menu.

Alencar, C. de O., & Fonseca, A. C. P. D. da. (2016). Excelência na Gestão Pública – a

contribuição do controle interno da Marinha do Brasil. REGE - Revista de

Gestão, p. 172-184.

Alves, A. G. S., & Moraes Júnior, V. F. (2016). O sistema de controle interno da gestão pública do poder executivo do município de Patos/PB. Revista Evidenciação Contábil & Finanças, João Pessoa, 4(3), p. 56-71.

Braga, V. C., & Guidi, R. R. (2015). Avaliação da qualidade de um sistema de gestão do armazém: quick supply system. Monografia (Especialização em Análise e Gestão de Sistemas de Informação), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense, Campos dos Goytacazes, RJ, Brasil.

Brasil. Constituição da República Federativa do Brasil, de 05 de outubro de 1988. Constituição do Brasil: promulgada em 5.10.88. D.O.U de 05 de outubro de 1988.

Brasil. Decreto-Lei Nº 200, de 25 de fevereiro de 1967 - Dispõe sobre a organização da Administração Federal, estabelece diretrizes para a Reforma Administrativa e dá outras providências.

Brasil. Decreto Nº 3.591, de 06 de setembro de 2000 - Dispõe sobre o Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal e dá outras providências.

Brasil. Decreto Nº 42.018, de 09 de agosto de 1957 - Dispõe sobre o Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal e dá outras providências.

Brasil. Portaria nº 018-SEF, de 20 de dezembro de 2013. Normas para Prestação de Contas dos Recursos Utilizados pelas Unidades Gestoras do Exército Brasileiro (EB90-N-08.002), 2ª Edição, 2013. Boletim do Exército. Brasília-DF, 10 de janeiro de 2014.

Brasil. Portaria nº 816-Cmt Ex, de 19 de dezembro de 2003. Aprova o Regulamento Interno e dos Serviços Gerais (R-1). Boletim do Exército. Brasília-DF, 19 de janeiro de 2013.

Canha, C. A. (2004) A estrutura do sistema de controle interno do Ministério da Defesa e sua influência na avaliação da gestão efetuada pelo TCU. Monografia (Especialização em Controle Externo, Área Auditoria), Instituto Serzedello Corrêa do Tribunal de Contas da União, Brasília, DF, Brasil.

Cardoso, I. R., & Pedron, C. D. (2013). O comprometimento dos usuários na implementação de um sistema de informação: o papel do comprometimento da alta gestão e do contexto organizacional. Revista de Gestão em Sistemas de Saúde - RGSS, 2(1), p. 03-25.

ISO/IEC 25000:2014. (2014). Software engineering - System and software Quality Requirements and Evaluation (SQuaRE).

ISO/IEC 25010:2011. (2011). Software engineering - System and software Quality Requirements and Evaluation (SQuaRE) - System and software quality models.

Mazulo, E. S. (2011). Imagem e o desempenho percebido do controle interno no Exército Brasileiro: uma abordagem utilizando análise fatorial e regressão múltipla. Dissertação de Mestrado em Administração e Desenvolvimento Empresarial, Universidade Estácio de Sá, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Morais, M. H. B. M., & Lima Junior, F. R. (2017). Proposição e aplicação de uma metodologia baseada no AHP e na ISO/IEC 25000 para apoiar a avaliação da qualidade de softwares de gestão de projetos. GEPROS - Gestão da Produção, Operações e Sistemas, 12(2), p. 239-260.

Moresi, E. A. D. (2000). Delineando o valor do sistema de informação de uma organização. Ciência da Informação, 29(1), p.14-24.

Monteiro, R. P. (2015). Análise do sistema de controle interno no Brasil: objetivos, importância e barreiras para sua implantação. Revista Contemporânea de Contabilidade, 12(15), p.159-188.

Nascimento, M. E. C. T. C. do. (2015). O Controle Interno das Unidades Gestoras do Exército Brasileiro: Análise da contribuição da seção de conformidade de registros de gestão para a administração militar. Dissertação de Mestrado em Ciências Militares – Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

O'Brien, J. A., & Marakas, G. M. (2007). Introduction to Information Systems. (13th ed.) New York: McGraw-Hill/Irwin.

Oliveira, L. O. de. (2011). O Uso do Controle Interno como Meio de Prevenção da Improbidade Administrativa na Administração Pública Municipal. Monografia (Especialização em Gestão Pública Municipal), Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Telêmaco Borba, PR, Brasil.

Reis, E. dos, Löbler, M. L., Campos, S. A. P. de, & Ramos, M. S. (2012). Uso de um sistema de informação em uma instituição pública. Revista Eletrônica de Ciência Administrativa, 11(1), p.11-25.

Silva, P. G. K. (2002). O papel do controle interno na administração pública. ConTexto, 2(2).

Sistema de Acompanhamento de Gestão (SAG). 11ª inspetoria de contabilidade e finanças do exército. Disponível em: Acesso em: 08 nov. 2107.

Soares, M., & Scarpin, J. E. (2013). Controle Interno na Administração Pública: Avaliando sua Eficiência na Gestão Municipal. UNOPAR Científica Ciências Jurídicas e Empresariais, 14(1), p.5-15.

Stegaroiu, C. E. (2016). The Importance Of Information Systems In The Management And Processing Of Large Data Volumes In Public Institutions. Annals-Economy Series, 1, 140-143.

Ziemba, E., & Obłąk, I. (2014). The Survey of Information Systems in Public Administration in Poland. Interdisciplinary Journal of Information, Knowledge & Management, 9.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.