ANÁLISE DA CRENÇA E INOCÊNCIA DE “A VILA”

Carlos Henrique Koslinski Santos, Lucas Elias Silva, Lucas Antonio Santos Silva, Wender Portugal Vieira, Sibelly Resch, Allan Rafael Silva

Resumo


O efeito que a crença possui nas pessoas é relativo e de certa forma complexo. A proposta desse trabalho é analisar o filme “A Vila”. A análise foi feita seguindo três etapas: analise previa do filme, seguida de uma varredura mais minuciosa buscando elementos inerentes ao foco do trabalho, posteriormente busca na literatura. Os moradores da comunidade de A Vila, são complacentes e controlados por doutrinas introduzidas pelos anciões, que com alegorias e manipulação, corroboram com a visão opressora aplicada na obra.


Palavras-chave


Alienação; Metodologia do medo; Temática Sociológica; A Vila

Texto completo:

PDF

Referências


GODOY, E. V.; SANTOS, V. DE M. Um olhar sobre a cultura. Educação em Revista, v. 30, n. 3, p. 15–41, set. 2014.

GUIMARÃES, L. Ceticismo e crença religiosa no Tratado da natureza humana. Kriterion: Revista de Filosofia, v. 52, n. 124, p. 509–528, dez. 2011.

IMDB. The Village. Disponível em: acesso em: 09 de outubro de 2018.

KORELC, M. Crença e razão na fenomenologia de Husserl. Revista de Filosofia Moderna e Contemporânea, v. 3, n. 2, p. 321–350, 2015.

QUEIROZ, M. I. P. explicando que o termo. Companhia Editora Nacional, n. 6, p. 75–84, 1995.

SETTON, M. G. J. Teorias da socialização: um estudo sobre as relações entre indivíduo e sociedade. Educação e Pesquisa, v. 37, n. 4, p. 711–724, dez. 2011.

VEIGA-NETO, A. Cultura, culturas e educação. Revista Brasileira de Educação, n. 23, p. 5–15, ago. 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.