DESAFIOS E OPORTUNIDADES NO USO DA IRRIGAÇÃO POR PIVÔ CENTRAL: O caso do Grupo Antonini

Jefferson Kiyoshi Komesu, Fábio da Silva Rodrigues

Resumo


Este trabalho aborda aspectos da irrigação por pivô central na produção agrícola do Grupo Antonini, situado no município de Naviraí, estado de Mato Grosso do Sul, considerando a viabilidade, os desafios e oportunidades do uso dessa tecnologia atrelada ao manejo racional de recursos escassos como a água. Diante de um cenário onde o preço de venda é controlado pelo mercado de commodity, a rentabilidade do agricultor está diretamente vinculada aos seus custos de produção. Assim, o agricultor tem que focar seus esforços para “dentro da porteira”. Por meio da pesquisa exploratória e de entrevistas realizadas com o Grupo Antonini, pode-se verificar que a implantação de sistemas de irrigação tem contribuído para o manejo consciente dos recursos hídricos e também com a garantia de produtividade, além de abrir de novas oportunidades. Com o controle sobre a falta de chuva o Grupo Antonini pôde cultivar uma terceira safra no ano agrícola e também conseguiu produzir sua própria semente de soja. Esses fatores contribuíram para a minimização da dependência dos fornecedores desse insumo e geraram economia nos custos de produção.

Palavras-chave


Irrigação; Pivô Central; Custo de Transação

Texto completo:

PDF

Referências


AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS (Brasil). Atlas Irrigação: uso da água na agricultura irrigada. Brasília: ANA, 2017, 86 p. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2018.

ANDRADE, Camilo de Lelis Teixeira. BRITO, Ricardo A. L. Métodos de Irrigação. Disponível em: . Acesso em: 07 set 2018.

APROSOJA/MS - Sistema Famasul. Disponível em: . Acesso em: 03 set. 2017.

APROSOJA/MS. Comunicado Técnico 225 – Custos de produção de soja e milho safrinha em Naviraí, MS, da safra 2016/2017. Disponível em: . Acesso em: 03 set. 2018.

AUGUSTO, Cleiciele Albuquere. SOUZA, José Paulo. Economia dos custos de transação e visão baseada em recursos: aspectos complementares. Disponível em < http://www.sober.org.br/palestra/15/98.pdf>. Acesso em: 5 set. 2018.

BEZERRA, Gleicy Jardi; SCHULTZ, Glauco; SCHINAIDER, Anelise Daniela; SCHINAIDER, Alessandra Daiana. Custos de transação no agronegócio: Uma revisão sistemática das publicações internacionais. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2018

BICUDO, Carlos E.de M.; TUNDISI, José G.; SCHEUENSTUHL, Marcos C. Barnsley. Águas do Brasil: análises estratégicas. São Paulo, Instituto de Botânica, 2010. 224 p.

BRAGA, Marcos Brandão. A sustentabilidade da irrigação no Brasil. In: LOPES, C. A.; PEDROSO, M. T. M. (Ed.). Sustentabilidade e horticultura no Brasil: da retórica à prática. Brasília, DF: Embrapa, 2017. p. 253-270. Disponível em: . Acesso em: 09 out. 2018.

BRASIL. Procura por sistema de pivôs cresceu 300%. Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2017.

BRASIL. Disponível em:

. Acesso em: 3 set. 2017.

BRASIL. Lei n. 9.433, de 8 de janeiro de 1997. Institui a Política Nacional de Recursos Hídricos, cria o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos, regulamenta o inciso XIX do art. 21 da Constituição Federal, e altera o art. 1º da Lei nº 8.001, de 13 de março de 1990, que modificou a Lei nº 7.990, de 28 de dezembro de 1989. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2017.

CARVALHO, Daniel Fonseca de. SILVA, Leonardo Duarte Batista da. Evolução dos Pivôs. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2017.

CEPEA. PIB do agronegócio brasileiro. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2018.

COLUSSI, Joana. Irrigação amplia ainda mais os ganhos com milho e soja na safrinha. ZH 2014. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2017.

FRIZZONE, José Antônio. Os Métodos de Irrigação. ESALQ/USP. 2017. Disponível em:. Acesso em: 08 set. 2018.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

GIBERTONI, Jonas Antonio Miguel; PANDOLFI, Marcos Alberto Claudio. A problematização da crise hídrica para os pequenos produtores. In: III SIMTEC – Simpósio de Tecnologia da FATEC Taquaritinga. Disponível em: < http://simtec.fatectq.edu.br/index.php/simtec/article/view/225 >. 6p. Outubro de 2015. Acesso em: 05 out. 2018.

IMASUL. Manual Outorga de Direito de Uso de Recursos Hídricos. Disponível em: . Acesso em: 08 set. 2018.

LIMA, Luiz Antonio. Pivô central: história e características. ÁREA DE HIDRÁULICA E IRRIGAÇÃO DA UNESP Ilha Solteira. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2017.

PAZ, Vital Pedro da Silva. TEODORO, Reges Eduardo. MENDONÇA, Fernando Campos. Recursos hídricos, agricultura irrigada e meio ambiente. Disponível em: . Acesso em 10 out. 2018.

REVISTA GLOBO RURAL. Produção de soja é recorde em Mato Grosso do Sul. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2017.

RODRIGUES, L. N. Disponível em . Acesso em: 25 out. 2018.

SILVA, Carlos Henrique R. Tomé. Recursos Hídricos e Desenvolvimento Sustentável no Brasil. Disponível em: . Acesso em: 13 out. 2017

TESTEZLAF, Roberto. Irrigação por pivô central. Disponível em:

. Acesso em: 3 set. 2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.