VIABILIDADE ECONÔMICA EM UM PROJETO DE CONFINAMENTO BOVINO: O caso do Sitio Vista Alegre (município de Naviraí-MS)

Alex dos Santos Paula, Fabio da Silva Rodrigues

Resumo


Embora predomine a pecuária extensiva, a busca por maior produtividade, redução de tempo de abate e alta escala de produção, típicas do modelo de produção intensiva, vem apresentando possibilidades de melhor desempenho. O objetivo deste artigo é analisar a viabilidade financeira/econômica do projeto de confinamento de bovinos no Sitio Vista Alegre em Naviraí-MS. Metodologicamente, foi analisado um lote de 22 animais heterogêneos, confinado durante 67 dias. Foi realizada entrevista com administrador, colaborador do manejo, bem como analisadas planilhas de controle. Conclui-se que o projeto mostra-se viável economicamente, obtendo um ganho de peso diário de 1,67 kg, com média de 7,45 arrobas, alcançado a média Nacional e superando a média por animal determinada pelo administrador que é de 4,16 arrobas Assim, cada animal corresponde à média no valor de R$ 70,11 em confinamento. Considerou-se apenas o custo direto diário, onde o administrador opera no valor de R$ 3,50 (ração), custo inferior à média nacional de R$ 7,40 a diária. No entanto, acredita-se que os resultados poderiam ser mais eficazes, se houvessem critérios técnicos na definição de lote, padronização de raças, considerando raça, porte, sexo, bem como uma maior qualidade nos relatórios, assistência técnica especializada e melhor critério nos custos da operação.  


Palavras-chave


Viabilidade econômica. Confinamento. Pecuária. Bovino de Corte. Custo

Texto completo:

PDF

Referências


ABIEC. Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne. Exportações Brasileiras de Carne Bovina. Disponível em: http://www.abiec.com.br/download/Anual-jan-dez-2017.pdfAcesso em 01/08/2018

BRASIL. Instrução Normativa Nº 01/2002. Institui o SISTEMA BRASILEIRO DE IDENTIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE ORIGEM BOVINA E BUBALINA – SISBOV. MiMinistério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Agronegócio Brasileiro (MAPA).

CALDERELLI, A. Enciclopédia contábil e comercial brasileira. 30ª ed.São Paulo: Ed. CETEC, 2005.

CARDOSO, Esther Guimarães. Engorda de bovinos em confinamento. Campo Grande: Embrapa, 1996.

CNA. Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil. Disponível em: http://www.cnabrasil.org.br/sites/default/files/sites/default/files/uploads/bovinocultura_corte_balanco_2017.pdf Acesso em 27/07/2018

COMPRE RURAL. Portal de Conteúdo Rural. Disponivel em:

https://www.comprerural.com/quanto-custa-manter-um-bovino-no-sistema-de-confinamento Acesso em 13/10/2018

CREPALDI, Silvio Aparecido, - Contabilidade Rural: Uma abordagem decisorial, 3 ed. São Paulo: Atlas, 2005.

EMBRAPA. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Disponível em: http://old.cnpgc.embrapa.br/publicacoes/doc/doc64/04osanimais.html Acesso em 29/07/2018

ELEUTÉRIO, A. P.; ELEUTÉRIO, A. P.; PEIXOTO, L. C.; CHAGAS, M. F. Diálogos em Contabilidade: teoria e prática (Online), v. 1, n. 3, edição 1, jan./dez. 2015

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. https://www.ibge.gov.br/estatisticas-novoportal/economicas/agricultura-e-pecuaria/21119-primeiros-resultados-2abate.html?=&t=o-que-e Acesso em 27/07/2018

IEPEC. Instituto de Estudos Pecuários. Manual de Instalações para Confinamento. Disponivel em: http://iepec.com/wp-content/uploads/2015/02/manual-instalacoes-confinamento.pdf Acesso em 05/08/2018

LOURENÇO, C. J.; LIMA, C.E.B. Evolução do Agronegócio brasileiro, desafios e perspectivas. Observatorio de de Economia Latino-Americana, 2009. Disponível em http://www.eumed.net/cursecon/ecolat/br/09/clbl.htm Acesso em: 30/07/2018

MAPA. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Agronegócio Brasileiro: Uma Oportunidade de Investimentos. Disponível em:

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Metodologia do trabalho científico: procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório publicações e trabalhos científicos. 7ª ed. Editora Atlas. São Paulo. 2011.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Fundamentos de metodologia cientifica. 5. Ed. – Sáo Paulo: Atlass 2003.

MARION: José Carlos, Contabilidade Rural: Contabilidade agrícola, Pecuária e Imposto de Renda – Pessoa Jurídica – 9 ed. São Paulo: Atlas. 2002

MATO GROSSO DO SUL (Estado). Secretaria do Estado de Administração. Balanço da economia em Mato Grosso do Sul em 2016. Disponível em: http://www.ms.gov.br/ Acesso em: 07/08/2018

RIBEIRO, Helvécio Magalhães e FERREIRA, Paulo Roberto Costa. Confinamento de Bovinos. Goiânia: Ed. Emater, 1981.

MENDES, Judas Tadeu Grassi; PADILHA JUNIOR, João Batista. Agronegócio: Uma Abordagem Econômica. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

SANTOS, J. G.; MARION, C. J.; SEGATTI, S.; Necessidade de planejamento e Controle Econômico – Financeiro. São Paulo: Ed. Atlas, 2002.

RURAL CENTRO. Uol. Disponível em: http://ruralcentro.uol.com.br/analises/engorda-de-bovinos-em-confinamento-adaptacao-a-dieta-3159 Acesso em 09/08/2018

SOUZA, CECILIA F. ; TINOCO, ILDA F. F. & SARTOR, VALMIR. Bovinos de corte. Viçosa; Minas Gerais 2003.

SOUZA. Gilson Luiz Rodrigues. História do Agronegócio no Brasil. Disponível em : http://periodicos.cesg.edu.br/index.php/folhaacademica/article/view/353/476. Acesso em 15/07/2018.

VILARINHO, Maria Regina. Questões sanitárias e o agronegócio brasileiro. Disponível em: https://www.embrapa.br/embrapa/. Acesso em 29/07/2018


Apontamentos

  • Não há apontamentos.