EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA SUSTENTABILIDADE: O DESPERTAR SOCIAL PARA A ECOEFICIÊNCIA

  • Willian Rocha de Matos Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
  • Laura Karoline Silva Melo Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS)
  • Carlos Buesa Buesa Busón Universidad Nacional de Educación a Distância (UNED)
Palavras-chave: Cidadania. Meio Ambiente. Proteção.

Resumo

O Brasil possui uma das maiores biodiversidades do mundo e a discussão sobre educação ambiental é de extrema relevância científica e social. A Constituição Federal de 1988 previu o direito fundamental ao meio ambiente equilibrado, tanto para presente quanto para as futuras gerações (responsabilidade intergeracional). No ano de 2017 o Brasil ratificou por meio do decreto n. 9.073/2017 o acordo sobre Mudança do Clima celebrado em Paris em 12 de dezembro de 2015 comprometendo-se a reduzir as emissões de gases estufa em 43% abaixo de 2005 e outras providências. A pesquisa pretende discutir a necessidade de uma educação ambiental coletiva para conscientização sobre o cumprimento do acordo celebrado em Paris, significando um despertar social para a sustentabilidade e ecoeficiência. Neste cenário, a pesquisa destaca a necessidade da criação de uma nova consciência coletiva que tenha o meio ambiente como um valor a ser protegido.

Biografia do Autor

Willian Rocha de Matos, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Mestrando em Desenvolvimento Regional e Sistemas Produtivos  Especialista em Direitos Difusos e Coletivos pela UEMS

Referências

BRASIL. Constituição Federal de 5 de outubro de 1988.

______.Lei 6.938 de 31 de agosto de 1981 (Política Nacional do Meio Ambiente).

______.Portal do Ministério do Meio Ambiente. Disponível em: <http://www.mma.gov.br/biomas/mata-atlantica>. Acesso em 27 de fev. de 2017.

_______. < http://www.ecoeficientes.com.br/a-historia-do-termo-ecoeficiencia/>. Acesso em 20 de jun de 2019.

BOBBIO, Norberto. A era dos direitos. trad. Carlos Nelson Coutinho. Rio de Janeiro: Campu, 1992. p.06.

HAWKEN, Paul; LOVINS, Amory B.; LOVINS, L. Hunter. Capitalismo natural. Editora Cultrix, 2002.

HIGUCHI, Maria Inês Gasparetto; AZEVEDO, GC de. Educação como processo na construção da cidadania ambiental. Revista Brasileira de Educação Ambiental, Brasília, n. 0, p. 63-70, 2004.

SCIENCE, Adding 1 billion hectares of forest could help check global warming, 2019. Disponível em: < https://www.sciencemag.org/news/2019/07/adding-1-billion-hectares-forest-could-help-check-global-warming >. Acesso em 01 agosto de 2019.

THE ECONOMIST, Morte da Mata AtLântica na Amazonia, 2019. Disponível https://www.economist.com/leaders/2019/08/01/deathwatch-for-the-amazon. Acesso em 01 de agosto 2019.

Publicado
2019-10-13