EDUCAÇÃO DO CAMPO: O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO NA E.E. JOÃO CARREIRA EM ANDRADINA/SP

Andreia Aparecida de Lima Uchida, Mariana Santos Lemes

Resumo


Historicamente o ensino oferecido aos povos do campo desconsidera e desvaloriza suas experiências vividas, e é marcado por uma representação do rural como o local do atraso, frente ao inevitável avanço tecnológico na agricultura. Dessa forma a referente pesquisa tem como finalidade discutir a proposta Pedagógica de Educação Básica do Campo oferecida pelo poder público estadual na E.E. João Carreira, situada na área de assentamento da Fazenda Primavera, Bairro Cambira, distante 25 km de Andradina na região Noroeste do Estado de São Paulo. Foram aplicados questionários aos professores e gestores e o local registrado por meio de fotografias digitais, onde por sua vez os resultados revelam que a escola não possui o Projeto Político Pedagógico diferenciado voltado a atender as especificidades de uma educação consciente para o homem do campo, sendo o mesmo de uma escola urbana.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

  Creative Commons License  Este trabalho está licenciado sob uma Licença Internacional Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0