NIETZSCHE E O RENASCIMENTO DO TRÁGICO NA ÓPERA WAGNERIANA

  • Jair Antunes Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO)
  • Anderson Prado Instituto Federal do Paraná (IFPR)
  • Angela Caciano

Resumo

Resumo: Este trabalho procura mostrar o encantamento do jovem Nietzsche com o drama musical de Richard Wagner na década de 1870. Nietzsche, nesta época, acredita que a ópera wagneriana continha todos os elementos necessários para o ressurgimento do drama trágico grego. A esperança de Nietzsche era então, naquele momento, embalada pela metafísica da vontade de Schopenhauer, a superação artística sublimada da cultura moderna. O “espírito” alemão, acredita Nietzsche, conteria os mesmos traços do espírito heleno da época trágica, e Wagner encarnava este espírito. Posteriormente, há o rompimento entre ambos e surge a crítica de Nietzsche a Wagner por ter este sucumbido ao moralismo anti-estético cristão.

Publicado
2019-09-24
Seção
Artigos