FORMAÇÃO DO SISTEMA DE JUSTIÇA CRIMINAL: prisões e segregação socioespacial no Estado de São Paulo

  • James Humberto Zomighani Júnior

Resumo

A Geografia Renovada, que tem no território usado uma categoria de análise social (sinônimo de espaço geográfico), possibilita o estudo geográfico (científico) de temas como a Justiça, a Segurança Pública e a Prisão. Pela complexidade e ausência de estudos preliminares, esses temas são exigentes de tratamento metodológico adequado, para construção de conhecimento coerente com a realidade contemporânea. Este artigo apresenta uma análise que se utiliza de uma nova metodologia geográfica e, a partir do recurso técnico da periodização, favorece uma leitura de processos passados e presentes que implicam tanto em desigualdades territoriais atuais, quanto na formação de um sistema de justiça criminal revelador do modo como a sociedade brasileira, como sociedade política, tem tratado questões como a desigualdade, a criminalidade e a prisão diante de um território que, respondendo às demandas do mundo atual, encontra-se em constante transformação.
Publicado
2011-05-01
Seção
Artigos