AGRICULTURA URBANA: possibilidades de uma praxis espacial?

Heloísa Soares de Moura Costa, Daniela Adil Oliveira de Almeida

Resumo


Este texto explora possíveis contribuições das práticas agrícolas urbanas como uma praxis espacial; as perspectivas de transformação da realidade, de enfrentamento da crise urbana e de formulação de políticas públicas que articulem questões urbanas e ambientais no contexto brasileiro. Para esta aproximação, parte-se de um referencial conceitual lastreado no conceito de produção e apropriação do espaço, de inspiração lefebvriana (Lefebvre, 1999; 1993), ao qual se articulam concepções de planejamento e regulação urbano-ambientais que oscilam entre preceitos originários da chamada economia política da urbanização, em especial associados à noção de reforma urbana, e aqueles que estimulam formas de apropriação do espaço e de práticas da vida cotidiana iluminadas por estratégias coletivas e iniciativas participativas.


Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Daniela Adil Oliveira de. Agricultura urbana e agroecologia na Região Metropolitana de Belo Horizonte. In: XII Simpósio Nacional de Geografia Urbana, 2011, Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte: IGC/UFMG/AGB, 2011.

ALMEIDA, Daniela. Agricultura urbana e segurança alimentar: ações e aprendizados da Rede de Intercâmbio de Tecnologias Alternativas. In: CARVALHO, S.; KNAUSS P. (org.). Agricultura Urbana: dimensões e experiências do Brasil atual. Rio de Janeiro: Enda Brasil, 2007, p. 73-89.

BARBOSA, Malba Tahan. Educação ambiental popular: a experiência do Centro de Vivência Agroecológica - CEVAE/Taquaril. Belo Horizonte: Dissertação (Mestrado em Geografia) Universidade Federal de Minas Gerais, 2002.

COSTA, Heloisa Soares de Moura; COSTA, Geraldo Magela. Repesando a análise e a práxis urbana: algumas contribuições da teoria do espaço e do pensamento ambiental. In: DINIZ, C. C.; LEMOS, M.B. (org.). Economia e território. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005, p. 362-382.

COUTINHO, Maura Neves. Agricultura urbana: práticas populares e sua inserção em políticas públicas. Belo Horizonte: Dissertação (Mestrado em Geografia) Universidade Federal de Minas Gerais, 2010.

COUTINHO, Maura Neves; COSTA, Heloisa Soares de Moura. Agricultura urbana: prática espontânea, política pública e transformação de saberes rurais na cidade. Geografias, v. 13, p. 81-97, 2011.

LEFEBVRE, Henri. A revolução urbana. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999.

LEFEBVRE, Henri. The production of space. Oxford: Blackwell, 1993.

MONTE-MÓR, Roberto Luís de Melo. Urbanização extensiva e lógicas de povoamento: um olhar ambiental'. In: SANTOS, M. et. al. (Orgs.) Território, globalização e fragmentação. São Paulo: Hucitec/Anpur, 1994, p. 169-181.

MONTE-MÓR, Roberto Luís de Melo. A questão urbana e o planejamento urbano-regional n Brasil contemporâneo. In: DINIZ, C. C.; LEMOS, M.B. (org.). Economia e Território. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005, p. 429-226.

MONTE-MÓR, Roberto Luís de Melo. As teorias urbanas e o planejamento urbano no Brasil. In: DINIZ, C.C.; CROCCO, M. (Eds.). Economia Regional e Urbana: contribuições teóricas recentes. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006, p. 61-85.

SANTANDREU, Alain; LOVO, Ivana. Panorama de la agricultura urbana y periurbana en Brasil y directrizes políticas para su promocion. Lima/Peru: IPES-Promoción del Desarrollo Sostenible, 2007. Cuadernos de Agricultura Urbana n.4.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Renovar a teoria crítica e reinventar a emancipação social. São Paulo: Boitempo Editorial, 2007.

SANTOS, Boaventura de Sousa. A gramática do tempo: para uma nova cultura política. São Paulo: Ed. Cortez, 2008.

SILVA, Carlos Eduardo Mazzetto. A dinâmica dos projetos de assentamento de reforma agrária na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Belo Horizonte: IGC/UFMG, 2008. Relatório de Pesquisa de Pós-doutorado.

UFMG/Pucminas/UEMG. Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Belo Horizonte: UFMG, 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Quantidade de visitas ao site dos CADERNOS DE ESTUDOS CULTURAIS:
 
counter free

 

Os CADERNOS DE ESTUDOS CULTURAIS estão indexados em:

DiadorimGoogle AcadêmicoSumariosResultado de imagem para capesOASISBR

Somos um periódico da:

UFMS

 

ISSN 1984-7785                                            necccadernos@gmail.com