Resumo: <br>Efeitos do Diflubenzuron no desenvolvimento ponderal, desempenho reprodutivo e desenvolvimento embriofetal de camundongos fêmeas prenhes. PECIBES, supl. 1, 18, 2015.

  • Gabriela Sabine Lamberti Escobar
  • Juliana Miron Vani
  • Bárbara de Toledo Rós
  • Antonio Carlos Duenhas Monreal
  • Andreia Conceição Milan Brochado Antoniolli-Silva
  • Andrea Luiza Cunha-Laura
  • Rodrigo Juliano Oliveira

Resumo

Dentre os diferentes controladores de crescimento de insetos (IGR), a utilização do Diflubenzuron® (DFB) tem aumentado por ser utilizado no controle e/ou combate à larva do mosquito da dengue (Aedes aegypti). Este trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos Diflubenzuron® no desempenho ponderal, desempenho reprodutivo e no desenvolvimento embriofetal em camundongos Swiss fêmeas prenhes. Foram utilizados os ensaios de micronúcleo, fagocitose, análise visceral e esquelética dos fetos e avaliação dos parâmetros ponderais e reprodutivos. Os resultados indicaram que o DFBnão é capaz de causar alteração ponderal estatisticamente significativa. Mas interfere nos parâmetros reprodutivos e na taxa de fagocitose, o que indica toxicidade. Verificou-se ainda malformações significativas nos membros superiores e ossos do esterno. Assim, conclui-se que o DFB pode causar tanto alterações nos fetos, quanto nas fêmeas prenhez quando expostas ao agrotóxico.
Publicado
2017-09-19