Iatrogenias de enfermagem uma visão na segurança do paciente na esfera brasileira

  • Eliza Miranda Ramos
  • Matheus Dullius de Lima
  • Elaine Fernandes Cristina Baez

Resumo

Introdução: A aplicação do cuidado de enfermagem em saúde é fragilizada pela ausência do uso de protocolos em segurança do paciente que ressaltam a qualidade da assistência na última década. Salienta-se que a ocorrência de eventos iatrogênicos tocante aos cuidados intensivos em saúde pública, particularmente ao hospitalar data de longo tempo e estabelece assunto complexo. Sendo assim, este estudo teve o objetivo de descrever a fragilidade do cuidado intensivo em relação à segurança do paciente nos centros de terapia intensiva numa instituição pública de saúde brasileira. Este estudo possui uma abordagem descritiva exploratória de condição qualitativa, os dados foram coletados no período de 2009 a 2010, em seis setores de um hospital público de grande porte no estado de Pernambuco. A pesquisa teve aprovação sob o CAAE n. 0096.0.102.000-09. Resultados: Houve a participação de 163 profissionais de enfermagem no estudo. O estudo reforça os indicadores negativos brasileiros, ao destacar que 74 (45,3%) dos profissionais de saúde responsáveis pelo cuidado intensivo, cometeu o erro na identificação do paciente, ou seja, a não realizaram a identificação do paciente por meio de pulseira.  De maneira positiva a prevenção de quedas foi realizada pela maioria dos participantes 107 (65,6%), através de uso específicos de protocolos padronizados que visou diminuir os indicadores negativos em terapia intensiva relacionada à queda. Entretanto, a utilização de todos os protocolos para a prevenção de eventos adversos se torna importante na unidade de terapia intensiva, medidas simples como a lavagem das mãos se mostraram entre os protocolos menos utilizados pelos participantes onde 126 (77,3%) relatou não realizar lavagem das mãos conforme o estabelecido. Sabe-se que as mãos são meio de transporte para diversos patógenos, sendo ele transmitido para outras pessoas através do contato direto com a mão, ou de algum material que foi contaminado pelo mesmo. Conclusões: Verificou-se que o cuidado de enfermagem potencializado no conhecimento cientifico através do uso de protocolos de segurança ao paciente são fundamentais para diminuição dos indicadores negativos em terapia intensiva.

Palavras-chave: Iatrogenia; Eventos Adversos; Enfermagem.