A CONSTITUIÇÃO DO PROFESSOR PESQUISADOR NA LICENCIATURA EM MATEMÁTICA

Solange Nascimento Neves, Wanderleya Nara Gonçalves Costa

Resumo


Uma orientação importante para as licenciaturas é a de que, desde este curso, o professor torne-se pesquisador. Então, muitas são as estratégias adotadas e, neste contexto, torna-se importante perceber: como os diferentes espaços do Curso de Licenciatura em Matemática têm desenvolvido competências relacionadas com o processo de investigação em Educação Matemática? Esta é a questão orientadora do nosso trabalho. Para desenvolvê-lo, tomamos como referências a Teoria da Aprendizagem Situada em Comunidades de Prática e as discussões sobre professores pesquisadores e, metodologicamente, optamos pelo desenvolvimento de monografia de final de curso no formato multipaper, onde os textos são elaborados de modo independente, em forma de artigos. 


Palavras-chave


Formação inicial de professores. Constituição da Identidade Docente. Monografia de final de curso.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRÉ, M. (org.). O papel da pesquisa na formação e na prática dos professores. 3 ed. Campinas. SP: Papirus. 2011.

BRASIL, Resolução CNE/CP 1, de 18 de fevereiro de 2002. Institui Diretrizes Curriculares para a Formação de Professores da Educação Basica, em nivel superior, curso de licenciatura, de graduação plena. Diário Oficial da União, Brasília, 9 de abril de 2002a. Seção 1, p.31. Disponível em . Acessado: 29 de out. 2013.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 37. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

GARNICA, A. V. M. (2011). Apresentação. In: SOUZA, L. A. de. Trilhas na construção de versões históricas sobre um Grupo Escolar. 2011. Tese (Doutorado em Educação Matemática)- UNESP de Rio Claro: São Paulo, 2011.

KLEIN, E. S. Ser um professor pesquisador. ETD – Educação Temática Digital, Campinas - SP, v.7 , n. esp., p.30-35,jun. 2006.

LIMA, Claudia Neves do Monte Freitas de and NACARATO, Adair Mendes.A investigação da própria prática: mobilização e apropriação de saberes profissionais em Matemática. Educ. rev.[online]. 2009, vol.25, n.2, pp. 241-265. ISSN 0102-4698. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-46982009000200011. Acessado em 15 de dezembro de 2013

LIMA, Maria Socorro Lucena. A reflexão sobre a prática pedagógica e a cultura docente mediada pela pesquisa. In: 18° EPENN. Maceió, 2007. Formação do pesquisador em educação: profissionalização docente, políticas públicas, trabalho e pesquisa. Maceió: EDUFAL, 2007.

MATOS, J. F.; et all. “Aprendizagem como participação em comunidade de prática: o exemplo da encriptação no projeto weblabs”. In: XIV SIEM – Seminar of Mathematic Investigation and Education, 14. Actas ... Santarém, Portugal: APM, 2003.

NÓVOA, Antônio. O Professor Pesquisador e Reflexivo. Entrevista concedida em 13 de setembro de 2001. Disponível em: http://www.tvebrasil.com.br/salto/entrevistas/antonio_novoa.htm, acesso em: 13/12/2013.

PAMPLONA, A. S. A formação estatística e pedagógica do professor de matemática em comunidades de prática. 2009, 267p. Tese (Doutorado em Educação, área: Educação Matemática) Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas-SP, 2009.

PAMPLONA, A. S. A pesquisa na formação do educador. Revista Primeiros Escritos em Educação Matemática, v. 2, 2013. Pontal do Araguaia (no prelo).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.