A CONSTRUÇÃO DE UM CENÁRIO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORAS QUE ENSINARAM MATEMÁTICA EM ESCOLAS RURAIS DE SIDROLÂNDIA

  • Vivian Nantes Muniz Franco
  • Luzia Aparecida de Souza
Palavras-chave: Formação de Professores. Escolas Rurais. História Oral.

Resumo

Este texto busca destacar características notáveis acerca da formação de quatro professoras que atuaram em escolas rurais de Sidrolândia. Essa caracterização é um recorte de uma pesquisa de Iniciação Científica que visou a construção de um cenário da formação/atuação de professores de matemática nas escolas rurais em Sidrolândia, entre as décadas de 1970 e 1980. Para isso, adotou-se a História Oral como metodologia qualitativa, que articula procedimentos específicos baseados na historiografia e em princípios éticos voltados à criação intencional de fontes na construção de narrativas. Dentre os aspectos predominantes neste estudo estão: a atuação docente sem formação específica e os cursos emergenciais. 

Biografia do Autor

Vivian Nantes Muniz Franco

Acadêmica da Licenciatura em Matemática, INMA, UFMS.

Luzia Aparecida de Souza
Professora do INMA do Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática da UFMS.

Referências

ALMEIDA, Dóris Bittencourt. A Educação Rural como Processo Civilizador. In:

BLOCH, M. Apologia da História ou o Ofício do Historiador. Tradução: André Telles. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.

BOLÍVAR, A.B. “¿De nobis ipsis silemus?”: Epistemología de la investigación biográfico-narrativa en educación. Revista Electrónica de Investigación Educativa. v. 4, n. 1. p.41-62, 2002.

CAMARANO, A. A. & ABRAMOVAY, R. Êxodo rural, envelhecimento e masculinização no Brasil: panorama dos últimos 50 anos. Rio de Janeiro: IPEA, 1999. 23p.

GOVERNO DE MATO GROSSO DO SUL. Perfil de MS. Disponível em http://www.ms.gov.br/index.php?inside=1&tp=3&comp=4298&show=3626, acesso em 30 de agosto de 2013.

LE GOFF, J. A história nova. In: LE GOFF, J. (Org). A História Nova. Tradução de E. Brandão. São Paulo: Martins Fontes, 2001. p. 25-67.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação. Lei nº 5.692 de 11 de agosto de 1971.

MARTINS, M.E. Resgate histórico da formação e atuação de professores da escola rural: um estudo no oeste paulista. 2003. 216f. Monografia (Iniciação Científica em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências, UNESP, Bauru, 2003.

MEIHY, J. C. S. B. Manual de História Oral. São Paulo: Edições Loyola, 2002.

SILVA, H., SOUZA, L. A. de. A história oral na pesquisa em Educação Matemática. In. Boletim da Educação Matemática. Ano 20, n. 28. Rio Claro: Unesp, Programa de Pós Graduação em Educação Matemática, 2007. pp. 139-162.

SOUZA, L. A. História oral e Educação Matemática: um estudo, um grupo, uma compreensão a partir de várias versões. 2006. 314 f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2006.