A CONSTRUÇÃO DE UM CENÁRIO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORAS QUE ENSINARAM MATEMÁTICA EM ESCOLAS RURAIS DE SIDROLÂNDIA

Vivian Nantes Muniz Franco, Luzia Aparecida de Souza

Resumo


Este texto busca destacar características notáveis acerca da formação de quatro professoras que atuaram em escolas rurais de Sidrolândia. Essa caracterização é um recorte de uma pesquisa de Iniciação Científica que visou a construção de um cenário da formação/atuação de professores de matemática nas escolas rurais em Sidrolândia, entre as décadas de 1970 e 1980. Para isso, adotou-se a História Oral como metodologia qualitativa, que articula procedimentos específicos baseados na historiografia e em princípios éticos voltados à criação intencional de fontes na construção de narrativas. Dentre os aspectos predominantes neste estudo estão: a atuação docente sem formação específica e os cursos emergenciais. 


Palavras-chave


Formação de Professores. Escolas Rurais. História Oral.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Dóris Bittencourt. A Educação Rural como Processo Civilizador. In:

BLOCH, M. Apologia da História ou o Ofício do Historiador. Tradução: André Telles. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.

BOLÍVAR, A.B. “¿De nobis ipsis silemus?”: Epistemología de la investigación biográfico-narrativa en educación. Revista Electrónica de Investigación Educativa. v. 4, n. 1. p.41-62, 2002.

CAMARANO, A. A. & ABRAMOVAY, R. Êxodo rural, envelhecimento e masculinização no Brasil: panorama dos últimos 50 anos. Rio de Janeiro: IPEA, 1999. 23p.

GOVERNO DE MATO GROSSO DO SUL. Perfil de MS. Disponível em http://www.ms.gov.br/index.php?inside=1&tp=3&comp=4298&show=3626, acesso em 30 de agosto de 2013.

LE GOFF, J. A história nova. In: LE GOFF, J. (Org). A História Nova. Tradução de E. Brandão. São Paulo: Martins Fontes, 2001. p. 25-67.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação. Lei nº 5.692 de 11 de agosto de 1971.

MARTINS, M.E. Resgate histórico da formação e atuação de professores da escola rural: um estudo no oeste paulista. 2003. 216f. Monografia (Iniciação Científica em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências, UNESP, Bauru, 2003.

MEIHY, J. C. S. B. Manual de História Oral. São Paulo: Edições Loyola, 2002.

SILVA, H., SOUZA, L. A. de. A história oral na pesquisa em Educação Matemática. In. Boletim da Educação Matemática. Ano 20, n. 28. Rio Claro: Unesp, Programa de Pós Graduação em Educação Matemática, 2007. pp. 139-162.

SOUZA, L. A. História oral e Educação Matemática: um estudo, um grupo, uma compreensão a partir de várias versões. 2006. 314 f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.