Geometria e Desenho nos Programas de Ensino dos Grupos Escolares Catarinenses

  • Thaline Thiesen Kuhn Mestranda do Programa de Pós Graduação em Educação Científica e Tecnológica da Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Campus Florianópolis, sob a orientação da Profª. Drª. Cláudia Regina Flores e da Profª. Drª. Joseane Pinto de Arruda, e integrante do Grupo de Estudos Contemporâneos e Educação Matemática (GECEM - UFSC)
  • Dra. Cláudia Regina Flores Professora do Departamento de Metodologia de Ensino (MEN) e do Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica da Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Campus Florianópolis, coordena o Grupo de Estudos Contemporâneos e Educação Matemática (GECEM), criado em 2009
  • Dra. Joseane Pinto de Arruda Professora do Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Santa Catarina, CA/UFSC, Campus Florianópolis

Resumo

Este texto tem como propósito apresentar parte de uma pesquisa de mestrado que vem sendo desenvolvida no campo da História da Educação Matemática e que tem como objetivo examinar possíveis relações, ou não, empregadas entre os programas de ensino para as disciplinas de geometria e desenho para a escolaridade inicial nos grupos escolares catarinenses, entre as décadas de 1910 à 1970. Em particular, neste texto, buscamos discutir quais eram os conteúdos que permitiam ao ensino de geometria e desenho se constituírem como matérias escolares. Nessa direção, buscamos trazer os discursos e enunciados que regeram o ensino desses saberes em um determinado momento, por meio dos programas de ensino, referentes aos anos de 1911, 1914, 1920, 1928 e 1946. Desta forma, ao trazer os conteúdos propostos para tais ensinos nesses programas de ensino, foi possível destacar que esses programas prescreviam orientações metodológicas e regras de funcionamento a serem seguidas para o ensino de geometria e do desenho nos grupos escolares.

Referências

ALBUQUERQUE JUNIOR, D. M. História: a arte de inventar o passado. Ensaios de teoria da História. Bauru, SP: Edusc, 2007.

FOUCAULT, M. Microfísica do poder. Editora: Graal Editora, 1984.

_______. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 2008.

GASPAR DA SILVA, V. L. Vitrines da República: Os grupos escolares em Santa Catarina (1889 – 1930). In: VIDAL, D. G. (org.). Grupos Escolares: Cultura Escolar Primária e escolarização da Infância no Brasil (1893 – 1971). Campinas, São Paulo: Mercado de Letras, 2006, p. 341 – 376.

NÓBREGA, P. Grupos Escolares: Modernização do Ensino e Poder Oligárquico. In:

DALLABRIDA, N. Mosaico de Escolas: Modos de Educação em Santa Catarina na Primeira República. Florianópolis: Cidade Futura, 2003, p. 253-280.

SANTA CATARINA. Decreto n. 585, de 19.04.1911. Dispões sobre o Regulamento Geral da Instrução Pública. Secretária de Educação e Cultura, Santa Catarina, 1911.

_______. Decreto n. 587, de 22.04.1911. Dispõe sobre os Programas dos grupos escolares e escolas isoladas do Estado de Santa Catarina. Secretária de Educação e Cultura, Diretoria de Ensino, Estado de Santa Catarina, 1911.

_______. (1914a). Decreto n. 795, de 02.05.1914. Dispõe sobre o Regimento Interno dos Grupos Escolares. Secretária de Educação e Cultura, Diretoria de Ensino, Estado de Santa Catarina, 1914.

_______. (1914b). Decreto n. 796, de 02.05.1914. Dispõe sobre os Programas dos grupos escolares e escolas isoladas do Estado de Santa Catarina. Secretária de Educação e Cultura, Diretoria de Ensino, Estado de Santa Catarina, 1914.

_______. Decreto n. 1. 322, de 29.01.1920. Dispõe sobre os Programas dos grupos escolares e escolas isoladas do Estado de Santa Catarina. Secretária de Educação e Cultura, Diretoria de Ensino, Estado de Santa Catarina, 1920.

_______. Decreto n. 2.218, de 24.10.1928. Dispõe sobre os Programas dos grupos escolares e escolas isoladas do Estado de Santa Catarina. Secretária de Educação e Cultura, Diretoria de Ensino, Estado de Santa Catarina, 1928.

_______. Decreto n. 3.732, de 18.11.1946. Dispõe sobre os Programas dos grupos escolares e escolas isoladas do Estado de Santa Catarina. Secretária de Educação e Cultura, Diretoria de Ensino, Estado de Santa Catarina, 1946.

TEIVE, G. M. G.; DALLABRIDA, N. A escola da República: Os grupos escolares e a modernização do ensino primário em Santa Catarina (1911-1918). Campinas, SP: Mercado de Letras, 2011. 199 p

Publicado
2022-01-06
Como Citar
Kuhn, T. T., Flores, D. C. R., & Arruda, D. J. P. de. (2022). Geometria e Desenho nos Programas de Ensino dos Grupos Escolares Catarinenses . Anais Do ENAPHEM - Encontro Nacional De Pesquisa Em História Da Educação Matemática - ISSN 2596-3228, (2), 372-382. Recuperado de https://periodicos.ufms.br/index.php/ENAPHEM/article/view/15137
Seção
Sessões Coordenadas