AS AÇÕES GESTORAS E SUA RELAÇÃO COM O DESEMPENHO DOS ALUNOS NO ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA: o que dizem as pesquisas?

Sandra Novais SOUSA

Resumo


O artigo tem como objetivo analisar como tem sido tratada, nas pesquisas empíricas dos Programas de Pós-Graduação, a relação entre Gestão Escolar e Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Para tanto, fez-se uma busca no Banco de Teses e Dissertações da CAPES, analisando-se os resumos dos trabalhos encontrados, elencando os principais resultados encontrados pelos autores. Trata-se, portanto, de um estudo do tipo ‘estado da arte’, que pretende mapear os rumos das pesquisas no Brasil sobre o tema. Os resultados revelaram que as pesquisas empíricas estão em consonância com estudiosos da Gestão Escolar e com as recomendações do MEC, ao demonstrarem que a importância de uma gestão democrática, pautada em inovações pedagógicas, flexibilidade de currículos de acordo com o contexto local e participação assídua e sistemática de toda a comunidade escolar nas decisões financeiras e pedagógicas da escola pública. Demonstram também as fragilidades de uma avaliação de larga escala no que tange à verificação das reais condições do ensino público, assim como a necessidade de investimentos mais expressivos, por parte do MEC e das secretarias de educação, em melhoria das condições intra e extra-escolares.

Palavras-chave


Gestão Escolar. IDEB. Avaliação de Larga Escala. Pesquisas Empíricas. Estado da Arte.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Cristovam da Silva. A constituição da profissionalidade docente: os efeitos do campo de tensão do contexto escolar sobre os professores. 173f. Tese (Doutorado em Educação - Psicologia da Educação). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.

AMORIM, Ailza Gabriela Almeida. Comunica(r)ação com compreensão: mola propulsora da gestão na educação. 125f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública). Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2012.

BEZERRA, Wlahilma Maria de Queiroz. Desenvolvimento do software IDEB cal: Ferramenta de cálculo para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica. 88f. Dissertação (Mestrado Profissional em Computação Aplicada). Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2012.

BORGES, Tania Regina. Colégio Barão de Aiuruoca: um caso de sucesso na gestão da educação pública. 115f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública). Instituição de Ensino: Universidade Federal de Juiz de Fora, 2012.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica Conselho escolar, gestão democrática da educação e escolha do diretor / elaboração Ignez Pinto Navarro. [et al.]. Brasília: MEC, SEB, 2004.

CARDOSO, Ana Paula Lima Barbosa. Políticas de Educação Inclusiva em Tempos de IDEB: Escolarização de Alunos com Deficiência na Rede de Ensino do Município de Sobral-CE. 262f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação Instituição de Ensino). Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2011.

COSTA, Valdeney Lima da. Mais Tempo na/de Escola: Estudo sobre as Experiências de Ampliação da Jornada Escolar no Município de Russas, Ceará. 161f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação Instituição de Ensino). Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2011.

FERREIRA, Elaine de Cássia. A organização do cotidiano escolar no ensino fundamental de uma escola bem sucedida no município de Curitiba. 215f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, 2012.

FRANKLIN, Rodrigo Dias. Avaliação da qualidade da educação através do IDEB: O caso de Trajano de Moraes/RJ. 150f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2011.

HORNICK, Cleudane Aparecida de Andrade. Identificação e análise dos possíveis fatores que influenciaram os resultados elevados do índice de desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) apresentado por duas escolas públicas. 122f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, 2012.

KLAUCK, Giseli Aparecida Caparros. Indicadores de qualidade de ensino: estudo em escola destaque no IDEB. 187f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2012.

LIMA, Waldisia Rodrigues de. Conselhos escolares e resultados de avaliação em larga escala (IDEB): uma interlocução possível sobre qualidade de educação escolar? 143f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Católica de Santos, Santos, 2011.

MARQUES, Rafaela Nunes. Escolas bem sucedidas: Como são? Um estudo de caso de duas escolas públicas do Distrito Federal. 113f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2012.

MILANO, Lydia Godoy. Políticas educacionais, avaliação e desempenho escolar: A rede municipal de educação de Goiânia. 138f. Tese (Doutorado em Educação Instituição de Ensino). Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia, 2012.

MIRANDA, June Alves de Almeida. Fatores de eficácia associados à gestão escolar e sua relação com os resultados de desempenho da escola. 142f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública). Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2012.

MORAES, Maria Angela Joaquim de. Participação do Colegiado Escolar no processo de avaliação institucional: do discurso à realidade. 110f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2012.

NEVES, Karina Hernandes. IDEB: o caso de sucesso de uma escola do interior do estado do Rio de Janeiro. 101f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública). Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2012.

OLIVEIRA, Ana Paula de Matos. A Prova Brasil como política de regulação da rede pública do Distrito Federal. 277f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade de Brasília, Brasília, 2011.

OLIVEIRA, Mario Roberto Carneiro de. Políticas e gestão pública educacional em Riachão do Jacuípe, Bahia, Brasil: A elevação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - IDEB. 143f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Políticas Sociais e Cidadania). Universidade Católica do Salvador, Salvador, 2011.

OVANDO, Nataly Gomes. A avaliação na política educacional de municípios sul-mato-grossenses. 127f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2011.

PARO, Vítor Henrique. A gestão da educação ante as exigências de qualidade e produtividade da escola pública. In: SILVA, Luiz Heron da; org. A escola cidadã no contexto da globalização. Petrópolis: Vozes, 1998, p. 300-307.

PARDAL, Poliana Priscila Matos. O IDEB das escolas localizadas no campo no estado do Paraná: dos números à realidade local. 130f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Tuiuti do Paraná, Londrina, 2012.

PAZ, Fabio Mariano da. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - IDEB: um estudo do município de Santa Fé do Sul/SP. 189f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita, Araraquara/SP, 2011.

PINHEIRO, Jussiara Xavier. Percepção dos cursistas sobre um curso a distância de formação de gestores da Educação Básica: um estudo de caso do Parformação em Alagoas. 100f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Políticas Sociais e Cidadania). Universidade Católica do Salvador, Salvador, 2011.

RAMIRES, Vanessa Ramos. A articulação escola-família em escolas destaques no IDEB. 116f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2011.

ROSA, Marlene dos Prazeres. Intenções e ações em uma escola pública de ensino fundamental à luz do IDEB. 187f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Estácio de Sá I, Rio de Janeiro, 2011.

ROSA, Jose Paulo da. Gestão Escolar: um modelo para qualidade Brasil e Coréia. 274f. Tese (Doutorado em Educação). Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

SANTOS, Almir Paulo dos. Gestão democrática nos sistemas municipais de ensino de Santa Catarina: implicação da avaliação em larga escala. 260f. Tese (Doutorado em Educação). Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2012.

SILVA, Ciclene Alves da. Qualidade da Educação e o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica/IDEB no Município de Mossoró/RN: Percorrendo Caminhos em Busca do Sucesso Escolar. 170 f. Mestrado Acadêmico em Educação Instituição de Ensino: Universidade Federal da Paraíba/João Pessoa, 2012.

SILVA, Helaine Aparecida da. Um Estudo sobre o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB): Como as Escolas Públicas de Juiz de Fora Melhoraram o se Desempenho. 126 f. Mestrado Acadêmico em Educação Instituição de Ensino: Universidade Federal de Juiz de Fora, juiz de Fora, 2012.

SILVA, Maisa Miralva da. A concepção da política de assistência social e sua efetivação em municípios goianos: o novo jargão e o conservadorismo renitente. 455f. Tese (Doutorado em Política Social). Universidade de Brasília, Brasília, 2012

SOARES, Magda; MACIEL, Francisca. Alfabetização. Brasília: MEC/Inep/Comped, 2000.

VIEIRA, Ada Pimentel Gomes Fernandes. Formação dos gestores escolares no contexto das políticas de avaliação da aprendizagem. 176f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação). Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2011.




Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Outras informações podem ser obtidas exclusivamente pelo e-mail revistagepfip@gmail.com

REVISTA DIÁLOGOS INTERDISCIPLINARES- GEPFIP - ISSN 23595051 (Publicação online)

A/C Profa. Ana Lúcia Gomes da Silva (Editora-chefe)

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul/CPAQ

Praça Nossa Senhora da Conceição, 163, Centro - CEP: 79200-000 - Aquidauana/ MS

Telefone: +55 (67) 3241 0312