Uma proposta de análise de pesquisa em História Oral: narrativas de narrativas e a “Frisa do Tempo” nos Ginásios Vocacionais

  • Maria Eliza Furquim Pereira Nakamura

Resumo

Neste artigo apresentamos uma proposta de análise realizada numa pesquisa de doutorado que teve por objetivo central estudar os Ginásios Vocacionais: uma experiência de ensino público paulista da década de 1960, com um olhar voltado ao ensino e à aprendizagem da matemática. A metodologia utilizada foi a História Oral. Essa modalidade de pesquisa qualitativa proposta no Ghoem (Grupo de História Oral e Educação Matemática) tem percorrido algumas etapas estabelecidas, mas não fixas
ou fechadas, já que pensamos a metodologia como área teórica em permanente construção e avaliação. Dentre essas etapas focamos, para essa apresentação, a forma de análise trabalhada durante esta pesquisa. Para o estudo foram realizadas entrevistas que aliadas a outras fontes
possibilitou compor uma narrativa histórica dos Vocacionais. A forma e o processo de produção, criação e elaboração dos textos analíticos, apresentados na tese, são partilhados neste texto.

Seção
Mesas redondas - submetidas