A representação do brasileiro na obra Reprodução (2013), de Bernardo Carvalho

  • Angela de Lima Furtuoso Duarte Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Palavras-chave: Bernardo Carvalho, Literatura Brasileira, Romance contemporâneo, Representação

Resumo

O objetivo deste trabalho é analisar a representação da figura do brasileiro no romance contemporâneo Reprodução (CARVALHO, 2013), de Bernardo Carvalho. A representação dessa figura está inserida e relacionada a uma época em que há excesso de informações e discursos, por meio das chamadas redes sociais. No entanto, paradoxalmente, há também uma grande carência de conhecimento e profundidade sobre os diversos temas abordados nas “redes”. Como resultado deste trabalho, pretendemos demonstrar, a partir da análise da obra estudada, a construção e o ponto de vista do narrador sobre a figura do brasileiro na contemporaneidade tecnológica, contraditório e sem consciência de seus próprios preconceitos, que aparecem em seu discurso sem que ele se dê conta. Para isso, analisaremos o personagem principal do livro, sem nome, que aparece apenas como o “Estudante de chinês”, um frequentador assíduo da “rede” e um típico comentarista de blogs. Nessas circunstâncias, o personagem fala sobre todo e qualquer assunto de forma superficial e apressada, muitas vezes de modo preconceituoso, racista, homofóbico e contraditório, tendo como base para seu discurso somente portais e blogs de procedência duvidosa. Como suporte a esta análise, recorreremos a autores como Giorgio Agamben (2009), acerca do que é o contemporâneo, Regina Dalcastagnè (2005), a respeito da representação na narrativa brasileira contemporânea, e Karl E. Schollhammer (2011), acerca da Ficção brasileira, entre outros.

Biografia do Autor

Angela de Lima Furtuoso Duarte, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Acadêmica do curso de Letras - Português/Literatura da Universidade Federal de de Mato Grosso do Sul

Referências

FORNI, João Paulo. “Fake News”: ameaça à credibilidade da mídia e à democracia. In: FORNI, João José. Comunicação e Crise. Brasília: João José Forni, 22 fev. 2017. Disponível em: www.comunicacaoecrise.com/site/index.php/artigos/983-fake-news-ameaca-a-credibilidade-da-midia-e-a-democracia. Acesso em: 24 out. 2019.

AGAMBEN, Giorgio. O que é contemporâneo? e outros ensaios. Chapecó: Argos, 2009.

AIRES, Leomares et al. Dicionário de tradutores literários no Brasil. In: RASSIER, Luciana. Bernardo carvalho. [S. l.]: UFSC, 21 out. 2019. Disponível em: dicionariodetradutores.ufsc.br/pt/BernardoCarvalho.htm. Acesso em: 10 jan. 2019.

AIRES, Leomaris. Bernardo Carvalho. In: RASSIER, Luciana. Dicionários de tradutores literários no Brasil. [S. l.], 21 out. 2014. Disponível em: dicionariodetradutores.ufsc.br/pt/BernardoCarvalho.htm. Acesso em: 10 out. 2019.

BRASIL, Legado. TELECOMUNICAÇÕES. In: IBGE: Metade dos brasileiros teve acesso a internet em 2013. [S. l.], 22 dez. 2017. Disponível em: http://legado.brasil.gov.br/noticias/infraestrutura/2014/09/ibge-metade-dos-brasileiros-teve-acesso-a-internet-em-2013. Acesso em: 16 out. 2019.

CARVALHO, Bernardo. Reprodução. 1. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2013.

CEIA, Carlos. Mimesis ou mimese. In: CEIA, Carlos. E-Dicionário de Termos Literários. Disponível em: http://www.edtl.com.pt/. Acesso em: 13 out. 2019.

DALCASTAGNÈ, Regina. Entre fronteiras e cercado de armadilha: problemas da representação na narrativa brasileira contemporânea. Brasília: Editora Universidade de Brasília: Finatec, 2005.

DALCASTAGNÈ, Regina; LEAL, Virgínia M. Vasconcelos (org.). Espaço e gênero na literatura brasileira contemporânea. Porto alegre: Zouk, 2015.

MATA, Anderson Luís Nunes. Representação e responsabilidade na narrativa brasileira contemporânea: a ética da representação: introdução. In: DALCASTAGNÈ, Regina; THOMAZ, Paulo C. (org.). Pelas margens: representação na narrativa brasileira contemporânea. Vinhedo: Editora Horizonte, 2011, p. 15-39.

REIS, Carlos; LOPES, Ana Cristina M. Dicionário de Narratologia. 7. ed. Coimbra: ALMEDINA. 2007, p. 354 -355.

SCHOLLHAMMER, Karl Erik. Ficção brasileira contemporânea. 2. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

VELLOSO, Luiz Roberto, MOREIRA, Maria Eunice (org.). Questões de Crítica e historiografia literária. Porto Alegre: Nova Prova, 2006.

Publicado
2020-03-30
Seção
EDIÇÃO ESPECIAL - II SELLIAQ (SEMINÁRIO NACIONAL DE LÍNGUAS E LINGUAGENS DA UFMS/CPAQ)