Um mapeamento de Licenciaturas em Matemática no Brasil nos anos 1960: revista Documenta como fonte.

  • Letícia Nogueira Gomes Estudante do curso de Licenciatura em Matemática, Faculdade de Ciências da Universidade Estadual Paulista Unesp, campus de Bauru, e membro do Grupo História Oral e Educação Matemática.
  • Maria Ednéia Martins Salandim Docente do Departamento de Matemática, Faculdade de Ciências da Universidade Estadual Paulista Unesp, campus de Bauru, e membro do Grupo História Oral e Educação Matemática.

Resumo

Neste texto apresentamos um mapeamento de criação de cursos de Licenciatura em Matemática e Ciências, que formavam professores de Matemática em nível superior no Brasil, na década de 1960, em instituições privada ou públicas federais. Este levantamento foi realizado a partir da Revista Documenta – publicação mensal do Conselho Federal de Educação – e nos valemos de metodologia de pesquisa baseada na Hermenêutica de Profundidade (HP). Destacamos que não foram muitos os pedidos de criação destes cursos, considerando as dimensões geográficas do Brasil. Foram criados, nestes tipos de instituição, menos de 20 cursos, a maioria em instituições privadas e na modalidade Licenciatura em Matemática. As regiões Sul e Sudeste tiveram a maioria dos pedidos e pareceres favoráveis à criação destes cursos e a região Norte não apresentou solicitação.

Referências

ANDRADE, M.M. Ensaios sobre o Ensino em geral e o de Matemática em Particular, de Lacroix: Análise de uma Forma Simbólica à luz do Referencial Metodológico da Hermenêutica de Profundidade. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2012.

CARDOSO, V.C. A cigarra e a formiga: uma reflexão sobre educação matemática brasileira na primeira década do século XXI. Tese (Doutorado em Educação) Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação. 2009.

DOCUMENTA. Rio de Janeiro: Conselho Federal de Educação, 1962-1970.

MARTINS-SALANDIM, M. E. A interiorização dos cursos de Matemática no Estado de São Paulo: um exame da década de 1960. 387. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2012.

OLIVEIRA, F.D. Análise de textos didáticos: três estudos. 2005. 227 f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2008.

OLIVEIRA, F.D; ANDRADE, M.M.; SILVA, T.T.P. da. A Hermenêutica de Profundidade: possibilidades em Educação Matemática. Alexandria (Revista de Educação em Ciência e Tecnologia), v.6, n.1, p. 119-142, abr. 2013 (ISSN 1982-5153).

Publicado
2022-01-09
Como Citar
Gomes, L. N., & Martins Salandim, M. E. (2022). Um mapeamento de Licenciaturas em Matemática no Brasil nos anos 1960: revista Documenta como fonte . Anais Do ENAPHEM - Encontro Nacional De Pesquisa Em História Da Educação Matemática - ISSN 2596-3228, (2), 1117-1123. Recuperado de https://periodicos.ufms.br/index.php/ENAPHEM/article/view/15212
Seção
Sessões Coordenadas