Dilemas do historiador da educação matemática: o que nos compete nos arquivos escolares?

  • Diogo Franco Rios

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo apresentar algumas provocações a respeito dos compromissos que podem ser assumidos por nós, historiadores da educação matemática, frente aos arquivos institucionais a que nos vinculamos durante nossas práticas de pesquisa. Tais provocações se constroem a partir de uma revisão de literatura do campo da História da Educação, na qual foram identificadas certas aproximações com a Arquivologia, a Museologia e a Ciência da Informação, para abordar a questão. Tal escolha se justifica enquanto possibilidade de pensarmos os limites e demandas que têm sido apresentados aos pesquisadores da área e que acabam por repercutir sobre nossa prática de pesquisa e, também, sobre os próprios arquivos.
Seção
Mesas redondas - submetidas