Trajetórias acadêmicas de estudantes na educação superior: uma revisão da literatura

Resumo

O objetivo deste artigo é contribuir para a compreensão do fenômeno da formação educacional no nível da Educação Superior, a partir de uma revisão da literatura acerca das trajetórias acadêmicas de estudantes que ingressam na graduação e na pós-graduação stricto sensu. Para tanto, foram realizadas buscas em três plataformas distintas: (a) no Google Acadêmico; (b) no Portal de Periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); e (c) na base estrangeira Education Resources Information Center (ERIC). O principal critério de seleção foi o conteúdo versar centralmente sobre a temática das trajetórias acadêmicas na Educação Superior, contendo no título, resumo ou palavras-chave das publicações um ou mais dos termos de busca utilizados. O levantamento bibliográfico resultou em 42 trabalhos selecionados. A revisão desses trabalhos identificou duas vertentes principais de pesquisa: (i) aquelas em que a investigação das trajetórias se dá centralmente sob a perspectiva do desempenho de sistemas de ensino, e (ii) aquelas que têm como temática central a investigação das trajetórias sob a perspectiva das origens sociais e/ou socioeconômicas dos estudantes. A análise realizada sugere que o estudo acerca das trajetórias acadêmicas de estudantes pode fornecer subsídios relevantes para uma compreensão mais ampla dos sistemas de ensino e do processo de formação na graduação e pós-graduação, no que se refere à eficácia na produção de concluintes e ao nível de equidade que está presente no acesso, permanência e conclusão nos diferentes níveis de formação.

Biografia do Autor

Alice Plakoudi Souto Maior, Universidade de Brasília - UNB

Doutoranda em Desenvolvimento, Sociedade e Cooperação Internacional

Camila Akemi Karino, Universidade de Brasília - UNB

Doutora em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações pela Universidade de Brasília (UNB).

Joaquim José Soares Neto, Universidade de Brasília - UNB

Pós-Doutor em Quimico-Física pelo California Institute of Technology (Caltech).

Referências

ADELMAN, Clifford. Answers in the tool box: academic intensity, attendance patterns and bachelor’s degree attainment. Washington, DC: 1999. Disponível em: https://files.eric.ed.gov/fulltext/ED431363.pdf. Acesso em: 23 fev. 2018.

ALMEIDA, Wilson Mesquita de. Estudantes com desvantagens econômicas e educacionais e fruição da universidade. Caderno CRH, Salvador, v. 20, n. 49, p. 35–46, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-49792007000100004&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 23 fev. 2018.

BRAGA, Mauro Mendes. Características da trajetória acadêmica de mestres e doutores formados no país em seis áreas. In: VELLOSO, J. (Org.). A Pós-Graduação no Brasil: formação e trabalho de mestres e doutores no país. v. 2, ed. Brasília, DF: Capes, Unesco, 2002a. p. 245–264. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/250027555_A_pos-graduacao_no_Brasil_formacao_e_trabalho_de_mestres_e_doutores_no_pais. Acesso em: 20 jan. 2020.

BRAGA, Mauro Mendes. Mestres e doutores formados no país em nove áreas: características dos titulados e aspectos da trajetória acadêmica. In: VELLOSO, J. (Org.). A Pós-Graduação no Brasil: formação e trabalho de mestres e doutores no país. v. 1, ed. Brasília, DF: Capes, Unesco, 2002b. p. 371–392. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/250027555_A_pos-graduacao_no_Brasil_formacao_e_trabalho_de_mestres_e_doutores_no_pais. Acesso em: 20 jan. 2020.

BREZAVŠČEK, Alenka; BACH, Mirjana Pejic.; BAGGIA, Alenka. Markov analysis of students’ performance and academic progress in Higher Education. Organizacija, Kranj, v. 50, n. 2, p. 83–95, 2017. Disponível em: https://content.sciendo.com/view/journals/orga/50/2/article-p83.xml?language=en. Acesso em: 28 jan. 2018.

CABRERA, Alberto; BURKUM, Kurt; LA NASA, Steven. Pathways to a Four-Year Degree: determinants of transfer and degree completion. In: SEIDMAN, A. (Org.). Coll. Student Retent. A formula success. Westport, CT: American Council of Education and Praeger Publisher, p. 155–209, 2005. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/228599574_Pathways_to_a_Four-Year_Degree_Determinants_of_Transfer_and_Degree_Completion_Among_Socioeconomically_Disadvantaged_Students. Acesso em: 28 jan. 2018.

CAPES. Coleta Capes: conceitos e orientações (manual de preenchimento). Brasília, DF: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, 2020. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/. Acesso em: 03 mar. 2018.

CARLHED, Carina. The social space of educational strategies: exploring patterns of enrolment, efficiency and completion among Swedish students in undergraduate programmes with professional qualifications. Scandinavian Journal of Educational Research, Oslo, v. 61, n. 5, p. 503–525, 2017. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/00313831.2016.1172496. Acesso em: 28 jan. 2018.

COLOMBO, Daniel Gama e. A trajetória dos estudantes de pós-graduação stricto sensu no Brasil: atrito e tempo para conclusão nos cursos de mestrado e doutorado. In: Gustavo Henirque Moraes; Ana Elizabeth Albuquerque. (Org.). Caderno de Estudos e Pesquisas em Políticas Educacionais: Pesquisa em educação e transformação, Brasília, v. 3, p. 191-234, 2019. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/informacao-da-publicacao/-/asset_publisher/6JYIsGMAMkW1/document/id/6936941. Acesso em: 23 nov. 2020.

COERTJENS, Liesje et al. Students’ transition into higher education from an international perspective. Higher Education, v. 73, n. 3, p. 357–369, 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1007/s10734-016-0092-y. Acesso em: 22 jan. 2020.

COSTA, António Firmino da; LOPES, João Teixeira. (Orgs.) Os estudantes e os seus trajectos no ensino superior: sucesso e insucesso, factores e processos, promoção de boas práticas. Centro de investigação e estudos de sociologia (CIES). Portugal: 2008. Disponível em: http://etes.cies.iscte.pt/Ficheiros/relatorio_ETES_completo.pdf. Acesso em: 23 fev. 2018.

DUBAR, Claude. Trajetórias sociais e formas identitárias: alguns esclarecimentos conceituais e metodológicos. Educação & Sociedade, Campinas, v. 19, n. 62, p. 13–30, abr. 1998. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-73301998000100002&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 22 jan. 2020.

FAGUNDES, Caterine Vila; LUCE, Maria Beatriz; RODRIGUEZ ESPINAR, Sebastián. O desempenho acadêmico como indicador de qualidade da transição Ensino Médio-Educação Superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 22, n. 84, p. 635–669, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-40362014000300004&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 28 jan. 2020.

FÁVERO, Altair Alberto; TAUCHEN, Gionara; DEVECHI, Catia Viero Piccolo. Percursos formativos e inserção profissional dos doutores em Educação: trajetórias e destinos dos egressos. Educação: Teoria e Prática, Rio Claro, v. 26, n. 53, p. 574–594, 2016. Disponível em: https://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/article/view/10375. Acesso em: 28 jan. 2018.

FEINSTEIN, Leon; VIGNOLES, Anna. Individual differences in the pathways into and beyond higher education in the UK: a life-course approach. Journal of Social Issues, Washington, v. 64, n. 1, p. 115–134, 2008. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/229590448_Individual_Differences_in_the_Pathways_into_and_Beyond_Higher_Education_in_the_UK_A_Life-Course_Approach. Acesso em: 28 jan. 2018.

FERREIRA, Daniela Maria; SILVA, Marília Emília Lins e. Condições objetivas e investimentos acadêmicos dos estudantes do ensino superior. Educação & Sociedade, Campinas, v. 36, n. 130, p. 101–115, 2015. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-73302015000100101&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 28 jan. 2018.

FERREIRA, Karin Terrel. Prouni: trajetórias. Tese (Doutorado em Educação) - Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos. p. 166. 2011. Disponível em: https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/2265?show=full&locale-attribute=pt_BR. Acesso em: 28 jan. 2018.

FILARDO, V. Integralidad en el análisis de trayectorias educativas. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 41, n. 1, p. 15–40, 2016. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2175-62362016000100015. Acesso em: 10 mai. 2020.

FIORI, Nicolás; RAMÍREZ, Raúl. Análisis de las trayectorias y perfil de los estudiantes desafiliados en la Universidad de La República en el período 2007-2012. In: Congresso CLABES. 2016. México. Anais... Disponível em: https://revistas.utp.ac.pa/index.php/clabes/article/view/893. Acesso em: 25 fev. 2018.

GAEBEL, Michael et al. Tracking learners’ and graduates’ progression paths (TRACKIT). Bruxelas: 2012. Disponível em: www.eua.be. Acesso em: 04 mar. 2018.

GUIMARAES, Carlos Augusto Sant’Anna. A interseção entre raça e pobreza na trajetória escolar de jovens negros. Roteiro, Joaçaba, v. 39, n. 2, p. 515–542, 2014. Disponível em: https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/4079. Acesso em: 28 jan. 2018.

HEILEMAN, Gregory; BABBITT, Terry; ABDALLAH, Chaouki. Visualizing student flows: busting myths about student movement and success. Change, Filadélfia, v. 47, n. 3, p. 30–40, jun., 2015. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/00091383.2015.1031620?scroll=top&needAccess=true&journalCode=vchn20. Acesso em: 28 jan. 2018.

INEP. Metodologia de cálculo dos indicadores de fluxo da Educação Superior. 2017. Brasília, DF: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Disponível em: http://download.inep.gov.br/informacoes_estatisticas/indicadores_educacionais/2017/metodologia_indicadores_trajetoria_curso.pdf. Acesso em: 20 jan. 2018.

LACERDA, Wania Maria Guimarães. Famílias e filhos na construção de trajetórias escolares pouco prováveis: o caso dos Iteanos. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal Fluminense. p. 417. 2006. Disponível em: http://www.aeitaonline.com.br/wiki/images/5/5d/Lacerdat2006.pdf. Acesso em: 28 jan. 2018.

LIMA JUNIOR, Paulo et al. Taxas longitudinais de retenção e evasão: uma metodologia para estudo da trajetória dos estudantes na educação superior. Ensaio: avaliação de políticas públicas educacionais, Rio de Janeiro, v. 27, n. 102, p. 157–178, 2019. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0104-40362019000100157&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 01 mar. 2020.

MASSI, Luciana; VILANI, Alberto. Um caso de contratendência: baixa evasão na licenciatura em química explicada pelas disposições e integrações. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 41, n. 4, p. 975–992, 2015. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ep/v41n4/1517-9702-ep-41-4-0975.pdf. Acesso em: 28 jan. 2018.

MENDES JUNIOR, Álvaro Alberto Ferreira. Uma análise da progressão dos alunos cotistas sob a primeira ação afirmativa brasileira no ensino superior: o caso da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 22, n. 82, p. 31–56, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ensaio/v22n82/a03v22n82. Acesso em: 01 mar. 2020.

NICHOLLS, Miles. Assessing the Progress and the Underlying Nature of the Flows of Doctoral and Master Degree Candidates Using Absorbing Markov Chains. Higher Education, v. 53, n. 6, p. 769–790, 2007. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007/s10734-005-5275-x. Acesso em: 28 jan. 2018.

NOGUEIRA, Maria Alice. Favorecimento econômico e excelência escolar: um mito em questão. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n. 26, p. 133–144, 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbedu/n26/n26a10. Acesso em: 01 mar. 2020.

NOGUEIRA, Maria Alice; CANAAN, Mariana Gadoni. Os “iniciados”: os bolsistas de iniciação científica e suas trajetórias acadêmicas. Revista TOMO, São Cristóvão, v. ?, n. 15, p. 41–70, jul./dez., 2009. Disponível em: https://seer.ufs.br/index.php/tomo/article/view/488. Acesso em: 22 jan. 2020.

OLIVEIRA, Luiz Fernando de; PORTES, Écio. Ascensão e distanciamento na trajetória social, escolar e profissional de um jovem das camadas populares. Perspectiva, Florianópolis, v. 32, n. 3, p. 1145–1164, 2014. Disponível em: https://core.ac.uk/download/pdf/209192402.pdf. Acesso em: 28 jan. 2018.

ORTIZ, Elena Arias; DEHON, Catherine. Roads to success in the Belgian French Community’s Higher Education System: predictors of dropout and degree completion at the Université Libre de Bruxelles. Research in Higher Education, v. 54, p. 693–723, 2013. Disponível em: https://eric.ed.gov/?id=EJ1039141. Acesso em: 28 jan. 2018.

PIOTTO, Débora Cristina; ALVES, Renata Oliveira. O ingresso de estudantes das camadas populares em uma universidade pública: desviando do ocaso quase por acaso. Rev. Educ. PUC-Campinas, Campinas, v. 21, n. 2, p. 139–147, 2016. Disponível em: http://periodicos.puc-campinas.edu.br/seer/index.php/reveducacao/article/view/2896. Acesso em 28 jan. 2018.

RABELO, Rachel; CAVENAGHI, Suzana. Indicadores educacionais para formação de docentes: uso de dados longitudinais. Estudos em Avaliação Educacional, São Paulo, v. 27, n. 66, p. 816–850, 2016. Disponível em: http://periodicos.puc-campinas.edu.br/seer/index.php/reveducacao/article/view/2896. Acesso em: 28 jan. 2018.

RODRÍGUEZ-GÓMEZ, David et al. They have gone, and now what? Understanding re-enrolment patterns in the Catalan public higher education system. Higher Education Research and Development, v. 35, n. 4, p. 815–828, 2016. Disponível em: http://openaccess.uoc.edu/webapps/o2/bitstream/10609/77485/1/meneses_they_have.pdf. Acesso em: 02 fev. 2018.

ROKSA, Josipa. Differentiation and work: inequality in degree attainment in U.S. higher education. Higher Education, v. 61, p. 293–308, 2011. Disponível em: https://eric.ed.gov/?id=EJ916231. Acesso em: 28 jan. 2018.

SANCHEZ, Ilara. Trajetórias acadêmica e profissional dos egressos do Programa de Pós-graduação em Educação da Unicamp. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas. p. 129. 2019. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334990. Acesso em: 28 jan. 2018.

SANTOS JUNIOR, José da Silva; REAL, Giselle Cristina Martins. O acesso à educação superior na Universidade Federal da Grande Dourados: trajetória de estudantes ingressantes entre 2006-2009. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Brasília, v. 33, n. 2, p. 467–492, 2017. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/rbpae/article/view/71081. Acesso em: 02 fev. 2018.

SANTOS, Lucíola Licínio de Castro Paixão; DIAS, Regina Lúcia Cerqueira. Trajetórias escolares e prática profissional de docentes das camadas populares. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 18, n. 52, p. 49–64, 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-24782013000100004&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 02 fev. 2018.

SHAH, Chandra; BURKE, Gerald. An undergraduate student flow model: Australian higher education. Higher Education, v. 37, p. 359–375, 1999. Disponível em: https://eric.ed.gov/?id=EJ593373. Acesso em: 28 jan. 2018.

SHULRUF, Boaz; HATTIE, John; TUMEN, Sarah. Individual and school factors affecting students’ participation and success in higher education. Higher Education, v. 56, p. 613–632, 2008. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007%2Fs10734-008-9114-8. Acesso em: 02 fev. 2018.

SOUZA, Kelly Cristina Cândida de. Mestres/as negros/as: trajetórias na pós-graduação dos/as egressos/as do curso de formação pré-acadêmica Afirmação na Pós. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais. p. 215. 2018. Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/handle/1843/BUOS-B4LKPN. Acesso em: 20 jan. 2020.

SWAIL, Watson Scott et al. Latino Students & the educational pipeline. Part I: From middle school to the workforce: latino students in the educational pipeline. Stafford, VA, 2005a. Disponível em: https://educationalpolicy.org/publications. Acesso em: 29 jan. 2018.

SWAIL, Watson Scott et al. Latino Students & the educational pipeline. Part III: Pathways to the bachelor’s degress for Latino students. Stafford, VA, 2005b. Disponível em: https://educationalpolicy.org/publications. Acesso em: 29 jan. 2018.

TUMEN, Sarah; SHULRUF, Boaz; HATTIE, John. Student pathways at the university: Patterns and predictors of completion. Studies in Higher Education, v. 33, n. 3, p. 233–252, 2008. Disponível em: https://eric.ed.gov/?id=EJ799490. Acesso em: 28 jan. 2018.

VELLOSO, Jacques; VELHO, Léa. Mestrandos e doutorandos no país: trajetórias de formação. Brasília, DF: Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, 2001. Disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/me002305.pdf. Acesso em: 01 mar. 2020.

ZAGO, Nadir. Do acesso à permanência no ensino superior: percursos de estudantes universitários de camadas populares. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro/RJ, v. 11, n. 32, p. 226–237, 2006. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbedu/v11n32/a03v11n32.pdf. Acesso em: 02 fev. 2020.

Publicado
2021-06-30