Pensando a democracia e a cidadania nas interfaces históricas e contemporâneas

Maria Irinilda Bezerra, Giane Lucélia Grotti

Resumo


A educação não só do Brasil, mas de vários países, principalmente da América Latina vem sendo direcionada de acordo com os interesses internacionais capitalistas, de forma até mais marcante do que nos primórdios da organização dos sistemas públicos de ensino, expandidos sob a influência dos ideais iluministas. Nesta direção este estudo pretende discutir a relação entre educação e cidadania se propondo a pensar alternativas de transformação educativa e social na perspectiva de tornar os espaços sociais mais democráticos e emancipatórios. Com esta finalidade realizamos um estudo bibliográfico recorrendo a autores como: Alves (2010), Carvalho (2016), Coutinho (1979), Najjar (2006), Rummert (2011) e Vieira (2008). Buscamos compreender como a sociedade brasileira foi construindo esta lógica de exclusão, que nos primórdios da sua formação se fazia por meio da negação do direito de frequentar a escola a boa parte da população. Nos dias atuais, esta negação da cidadania se faz por meio da expropriação da classe trabalhadora dos seus direitos econômicos, sobretudo, mas também através da desinformação propiciada pelos meios de comunicação de massa. Os interesses economicistas internos e externos acabaram criando formas múltiplas de desigualdade social e embora reconheçamos a dificuldade de modificar as estruturas da sociedade alicerçadas sobre a injustiça social e a dualidade, precisamos construir uma “ética da rebeldia”, recusando a fatalidade das estruturas para criarmos projetos alternativos de uma sociedade mais justa e igualitária, onde os diferentes protagonistas da história, esquecidos e ilegitimados historicamente, tenham espaço na sociedade.

 

 

 

 


Palavras-chave


Cidadania; Democracia; Educação

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Claudia. Problemas da relação educação-cidadania na história brasileira. In: FELGUEIRAS, Margarida Louro e VIEIRA, Carlos Eduardo (orgs). Cultura escolar, migrações e cidadania. Porto: Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação, 2010.

CARDOSO, T. Raízes históricas da escola pública no Rio de Janeiro. In: MAGALDI, Ana Maria; Alves, Claudia; GONDRA, Jose G. (orgs). Educação no Brasil: história, cultura e política. Bragança Paulista: EDUSP, 2003.

CARVALHO, Maria Bernadete Oliveira de. Nacionalismo e classes produtoras. Revista: Espaço Acadêmico, n.54. nov 2005. Disponível em < http://www.espacoacademico.com.br/054/54carvalho.htm#_ftnref8> Acesso em: 09/01/2016.

COUTINHO, Carlos Nelson. A democracia como valor universal. Encontros com a civilização brasileira. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, v. 9, 1979.

CIAVATTA, Maria. Formação profissional para o trabalho incerto: estudo comparativo entre Brasil, México e Itália. In: FRIGOTTO, Gaudêncio (Org)-. Educação e crise do trabalho: perspectivas de final de século. 9 ed. Petrópolis- RJ: Vozes, 2003 (Coleção Estudos Culturais).

DONZELOT, Jacques. A polícia das famílias. Rio de Janeiro. 2. ed. Editora Graal, 1986.

GONDRA, José Gonçalves; SCHUELER, Alessandra. Educação, poder e sociedade no império brasileiro. São Paulo: Cortez, 2008.

LAROCCA, Liliana M. Higienizar, Cuidar e Civilizar: o discurso médico para a escola paranaense. Tese (Doutorado em Educação). Programa de Pós-Graduação em Educação. Universidade Federal do Paraná - Curitiba, 2009.

LEFORT, Claude. Pensando o político: ensaios sobre democracia, revolução e liberdade. Paz e Terra, 1991.

NAJJAR, Jorge. Gestão democrática da escola, ação política e emancipação humana. In: Movimento – Revista da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense. n.13 (Maio, 2006). Niterói: EduFF, 2006.

NAXARA, Márcia Regina Capelari. Estrangeiro em sua Própria Terra: representações do brasileiro 1870/1920. São Paulo: Annablume, 1998.

RODRIGUES, Cíntia da Luz e NAJJAR, Jorge Nassim Vieira. Gestão Democrática: limites e possibilidades na rede Municipal de Educação de Tanguá. Anais do IV Seminário Estadual ANPAE-RJ. 24-26/04, 2014.

RUMMERT, Sonia; ALGEBAILE, Eveline; VENTURA, Jaqueline. Educação e formação humana na integração subalterna no capital-imperialismo. 34ª Reunião da ANPED: Natal/RN, 2011.

SANTOS, Milton. Técnica, espaço, tempo: Globalização e meio técnico-científico informacional. São Paulo: Ed Hucitec, 1994.

SCHWARTZMAN, Simon et.al. Tempos de Capanema. São Paulo: EDUSP e Paz e Terra, 1984.

TRINDADE, Judite Maria Barboza. Metamorfose: de criança para menor – (Curitiba - início do século XX). Tese. (Doutorado em História). Universidade Federal do Paraná, 1998.

VIEIRA, Carlos Eduardo. Inteligentsia e intelectuais: sentidos, conceitos e possibilidades para a história intelectual. Revista Brasileira de Educação. Campinas: Autores Associados; SBHE, n. 16, jan./abr, 2008.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 ISSN: 2358-1840

Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial 3.0 Unported .