Uma busca pelos saberes geométricos a partir do exame de Programas para os Grupos Escolares em Sergipe (1911 -1935)

  • Ivanete Batista dos Santos Docente do Departamento de Matemática e do Programa de Pós-graduação em Ensino de Ciências Naturais e Matemática da Universidade Federal de Sergipe.

Resumo

Neste artigo é apresentado um exame sobre saberes elementares geométricos postos em programas para os grupos escolares em Sergipe, no período de 1911 a 1935. O resultado apresentado é pautado no uso de fontes como Decretos, Regulamentos da Instrução Primária e Programas de Ensino. A temática foi escolhida a partir de estudos empreendidos por Silva e Valente (2012), Silva e Valente (2013) e Frizzarini e Silva (2013). Após o exame de regulamentos e programas referentes ao estado de Sergipe é possível afirmar que, para o período de 1911 a 1931, não há prescrição para uma disciplina denominada de Geometria. O que é possível identificar são saberes geométricos na disciplina Desenho que nos primeiros programas são apresentados de forma detalhada e no de 1931 aparece de forma sucinta com indicativos reduzidos, do tipo “continuação”. A principal referência para a disciplina Desenho são os cadernos de Olavo Freire. E um próximo passo para a pesquisa deve ser localizar e examinar de que forma os saberes abordados nesses cadernos permite o tratamento dos saberes geométricos de acordo com o método intuitivo e com o programa mínimo para a Escola Nova.

Referências

AZEVEDO, C. B. de. Grupos escolares em Sergipe (1911-1930): cultura escolar, civilização e escolarização da infância. Natal, RN: EDUFRN – Editora da UFRN, 2009.

FRIZZARINI, C. R. B. & SILVA, M. C. L. O ensino de geometria no curso primário paulista em tempos de escola nova: intuitivo ou ativo?. VII Congresso Ibero-americano de Educação Matemática, Montevideo - Uruguai, 2013.

SANTOS, M. F. de J. Ecos da Modernidade: a arquitetura dos grupos escolares sergipanos, (1911 -1926). São Cristóvão,SE: Editora UFS, 2013.

SILVA, M. C. L e VALENTE, W. R. A Geometria dos Grupos Escolares: Matemática e Pedagogia na Produção de Um Saber Escolar. Cadernos da História da Educação, v.11, nº 2, julho/dezembro, 2012.

SILVA, M. C. L e VALENTE, W. R. Programas de geometria no ensino primário paulista: do império à primeira república. Horizontes, v. 13, n. 1, pp. 71-79, jan/jun, 2013.

PUBLICAÇÕES OFICIAIS

SERGIPE. Colecção de Leis e Decretos de 1911. Decreto Nº 563 de 12 de agosto de 1911. Aracaju: Typ. d’ O Estado de Sergipe, 1911.

_________. Colecção de Leis e Decretos de 1915. Decreto Nº 587 de 9 de janeiro de 1915.

_________. Colecção de Leis e Decretos de 1916. Decreto Nº 630 de 24 de abril de 1916.

_________. Decreto Nº 571 de 19 de outubro de 1912. Aracaju: Typ. d’ O Estado de Sergipe, 1912.

_________. Decreto Nº 867 de 11 de março de 1924. Aracaju: Imprensa Official, 1924.

_________. Decreto Nº 25 de 3 de fevereiro de 1931. Aracaju: Imprensa Official, 1931.

_________. Regulamento da instrução primária em virtude da lei n. 605 de 24 de setembro de 1912. Typ. d’ O Estado de Sergipe, 1912.

SERGIPE. Programas para o ensino primário- especialmente os grupos escolares do estado de Sergipe. Aracaju: Typ. d’ O Estado de Sergipe, 1912.

_________. Programas para o curso primário nos grupos escolares e escolas isoladas do estado de Sergipe. Aracaju: Typ. d’ O Estado de Sergipe, 1915.

_________. Programas para o curso primário nos grupos escolares e escolas isoladas do estado de Sergipe. Aracaju: Typ. d’ O Estado de Sergipe, 1916.

_________. Programas para o curso primário nos Grupos Escolares e escolas isoladas do estado de Sergipe. Aracaju: Imprensa Official, 1917.

_________. Programa para o curso primário elementar. Aracaju: Imprensa Official, 1917.

_________. Programa para o curso primário. Aracaju: Imprensa Official, 1931.

Publicado
2022-01-05
Como Citar
Santos, I. B. dos. (2022). Uma busca pelos saberes geométricos a partir do exame de Programas para os Grupos Escolares em Sergipe (1911 -1935) . Anais Do ENAPHEM - Encontro Nacional De Pesquisa Em História Da Educação Matemática - ISSN 2596-3228, (2), 53-61. Recuperado de https://periodicos.ufms.br/index.php/ENAPHEM/article/view/15106
Seção
Mesas redondas - submetidas