Gramsci: conceitos básicos

Márcia Maria Ribera Lopes Spessoto, Simone Estigarribia de Lima

Resumo


Este estudo tem como intenção o entendimento de alguns conceitos de Antonio Gramsci. Para foi necessário considerar o momento histórico vivido, mesmo que o estudo não tenha apresentado de forma separada. Foi realizado um breve panorama bibliográfico do autor, pois acreditamos que a construção do sujeito intelectual se deu nas práticas de suas relações e suas teorias e conceitos emergiam dessa relação. Conhecer o legado de Gramsci intelectual, militante que abandonou a universidade por dificuldades financeira e passou maior parte da vida na prisão, não é tarefa simples, por isso enfatizamos que se trata de um estudo exploratório. Mesmo não sendo o objetivo, ficaram evidentes nas interpretações feitas desse autor, as aproximações e distanciamentos de Marx, teórico que mais o influenciou e podemos dizer que foi ponto de partida para o desenvolvimento de seus conceitos. A escolha dos conceitos escolhidos para serem trabalhados se deu pela sua recorrência nas obras analisadas, e deles se desdobram outros que transcendeu os limites deste trabalho. Embora tenhamos apresentado os conceitos separadamente por uma questão pedagógica de entendimento, os conceitos gramscinianos são inter-relacionados e complementares.

Palavras-chave


Gramsci. Biografia. Conceitos gramscinianos.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, A.R.C. O conceito de hegemonia: de Gramsci a Laclau e Mouffe. Lua Nova, São Paulo, 80: 71-96, 2010.

CASTRO, M. C. RIOS, V. L. Escola e educação em Gramsci. Revista de Iniciação Científica da FFC, v. 7, n. 3, p. 221-228, 2007. Disponível em: http://www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/ric/article/viewFile/187/172. Acesso em 16 nov. 2014.

COUTINHO, C. N. Gramsci: um estudo sobre seu pensamento político. Nova edição ampliada. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2007.

COUTINHO, C. N. O conceito de vontade coletiva em Gramsci. Rev. Katál. Florianópolis v. 12 n. 1 p. 32-40 jan./jun. 2009.

FERRARI, M. Antonio Gramsci. 2011. Disponível em:

http://educarparacrescer.abril.com.br/aprendizagem/antonio-gramsci-307895.shtml. Acesso em 16 nov. 2014.

GRAMSCI, A. trad. Carlos Nelson Coutinho. Os intelectuais e a organização da cultura. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 8ª ed. 1991.

JESUS, Antonio Tavares de. Educação e Hegemonia no pensamento de Antonio Gramsci. São Paulo: Cortez, 1989.

LAHUERTA, M. Gramsci e os intelectuais: entre clérigos, populistas e revolucionários (modernização e anticapitalismo). In: AGGIO, A. Gramsci: a vitalidade de um pensamento. São Paulo: Ed. da UNESP, 1998.

MACCIOCCHI, Maria-Antonietta. A favor de Gramsci. Trad. Angelina Peralva. 2ª Ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1980.

MEDICI, Rita. Gramsci e o Estado: para uma releitura do problema. Rev. Sociol. Polít., Curitiba, 29, p. 31-43, nov. 2007.

NOSELLA, P. A escola de Gramsci. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 1992.

SILVA, D. R. Intelectuais, cultura e escola única no pensamento político-pedagógico de Antonio Gramsci. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade de São Paulo. 2010


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 ISSN: 2358-1840

Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial 3.0 Unported .