Uma Abordagem para a Disciplina Desenho no Curso Técnico de Comunicação Visual em uma Instituição Federal de Ensino Técnico/Tecnológico

  • Dennis Hanson UFMS - FAENG
Palavras-chave: ensino de desenho. lateralidade cerebral. cursos técnicos. instituições federais de ensino

Resumo

O trabalho a seguir descreve a aplicação da metodologia de ensino de desenho originalmente desenvolvida pela professora Betty Edwards, em uma turma do curso técnico subsequente de uma instituição federal de ensino técnico em Minas Gerais. A metodologia baseia-se nos estudos científicos desenvolvidos tendo a lateralidade cerebral como fundamento teórico principal. A premissa é a de se envolver o discente na tarefa de desenhar, estimulando a atividade cerebral do hemisfério direito do cérebro, mais afeito à espacialidade, e fazendo calar o hemisfério esquerdo, mais lógico e crítico. O artigo inclui alguns exemplos reais de trabalhos realizados em aula pelos discentes, de modo a esclarecer o leitor e demonstrar a evolução dos trabalhos da classe, quase toda ela sem treinamento ou habilidade prévia com desenho. Os resultados, conforme demonstrados no texto, são surpreendentes mesmo para um curso com 60 horas de duração, com alunos apresentando uma evolução notável já na metade da carga horária total. Há também um adendo, demonstrando um caso de educação inclusiva, no qual um aluno com dificuldades cognitivas apresenta um desenvolvimento surpreendente tanto na sua capacidade de observação quanto no resultado de seus desenhos. Destaca-se ainda a possibilidade de se transpor a metodologia para o ensino de desenho nos cursos fundamental e médio.

Biografia do Autor

Dennis Hanson, UFMS - FAENG

Professor DE na área de administração lotado no curso superior de Construção de Edifícios da FAENG – UFMS, Campo Grande, ministrando aulas neste e nos demais cursos da FAENG.

Doutorando no programa interdisciplinar de Ciência Ambiental na Universidade Anhanguera Uniderp, com tese focada em negócios sustentáveis.

Publicado
2018-08-18