DEMOCRATIZAÇÃO DO CONHECIMENTO NO CENÁRIO DAS HUMANIDADES DIGITAIS FRENTE À INCLUSÃO TECNOLÓGICA EDUCACIONAL NA PANDEMIA COVID-19

Palavras-chave: Conhecimento, Democratização, Educação, Humanidades Digitais, Pandemia

Resumo

Diante do recente surto pandêmico pelo Covid-19, as instituições de ensino buscaram nas tecnologias formas para minimizar os danos causados à continuidade do ano letivo vigente, pautando seus processos educacionais em estratégias que agreguem significado ao conhecimento construído. Somado a isso, levantou-se, no meio acadêmico, reflexão em torno das Humanidades Digitais, considerando que a inserção do digital nos aspectos humanos, em especial nos ambientes de aprendizagem, permita à Educação mediar situações de ensino e de aprendizagem democrática, flexível, interativa e equânime. Nesse sentido, a questão norteadora desse estudo indaga: no enfrentamento à pandemia, os processos educacionais mediados pelas tecnologias conseguiram democratizar o conhecimento construído? A hipótese é que provavelmente há um hiato entre a urgência em incluir a tecnologia nos espaços pedagógicos e a importância de que todos os aprendizes possam ter as mesmas oportunidades de ensino para a contemplação da sua aprendizagem, visto que a pandemia ao tempo que despertou a relevância de inserir os recursos e artefatos digitais nos contextos sociais da Humanidade, também destacou as discrepâncias existenciais entre aqueles que têm ou não acesso aos mesmos. Frente disso, para responder ao objetivo geral dessa investigação, que propõe analisar se os processos educacionais mediados pelas tecnologias possibilitam a democratização do conhecimento construído frente ao momento pandêmico, a abordagem do estudo foi qualitativa com um delineamento exploratório, dialético e experiencial, por meio de uma revisão bibliográfica sistemática integrativa que levantou produções científicas em bases virtuais. Como principais achados, apenas 15 artigos científicos investigados obedeceram aos critérios de inclusão, sendo submetidos ás etapas da pesquisa e à análise dos dados. Conclui-se que em meio á mediação tecnológica tão evidente, é preciso considerar as desigualdades sociais, para que essa problematização proponha possibilidades de agregar estratégias direcionadas à garantia do acesso à Educação.

Biografia do Autor

Lidianne Mércia Barbosa Malta Rocha, UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS

Profissional graduada em Odontologia pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL) desde 2000. Mestre em Ensino na Saúde pela Faculdade de Medicina UFAL (FAMED/UFAL). Doutoranda (tese qualificada) em Educação pelo Programa de Pós-Graduação do Centro de Educação UFAL (CEDU/UFAL), atuando na linha de pesquisa Tecnologias da Informação e Comunicação na Educação para formação presencial e à distância de professores. Possui experiência em Gestão Pública, Clínica Odontológica e Docência/Preceptoria/Tutoria. Pós-Graduada em Gestão do Trabalho em Saúde, Gestão do Trabalho e Educação em Saúde, Saúde Pública com ênfase em Saúde da Família, Odontologia do Trabalho e Prótese Dentária. Qualificada em: Diagnóstico precoce em Câncer de Boca (Diagnóstico, Fatores de Risco, Tratamento e Diagnóstico Diferencial do Câncer de Boca) e Manejo Odontológico dos Pacientes Oncológicos, Formação de Apoiadores da Política Nacional de Humanização, Gerência de Unidades Básicas de Saúde, Gestão da Clínica e do Cuidado, Administração Pública, Estratégias de Leitura em Língua Inglesa nível A1, Plataforma Moodle - Construção, Edição e Utilização, Preceptoria no SUS (plataforma de educação à distância educ@Sesau) e Protocolos de manejo clínico do coronavírus (covid-19) do Ministério da Saúde.

Cleide Jane de Sá Araújo Costa, UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS

Doutora em Educação e em Linguística, Mestre em Psicologia, Bacharel em Administração, licenciada em Psicologia. Atualmente é professora do Centro de Educação da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), atuando no Programa de Pós-Graduação em Educação, na linha de pesquisa Tecnologias da Informação e Comunicação na Educação. Coordena e orienta pesquisa. Possui publicações nacionais e internacionais. Tem experiência na área de Educação a Distância e Tecnologia da Informação e Comunicação na educação, com ênfase nos seguintes temas: Interação online, Avaliação da aprendizagem online, tutoria, concepção e elaboração de material didático, gestão, formação do professor. 

Referências

ACEDO, Sara Osuna. Interatuantes e interatuados na web 2.0. In: Aparaci, Roberto (Org.). Conectados no ciberespaço. São Paulo: Paulinas, 2012.

ALMEIDA, Marco Antonio de; DAMIAN, Ieda Pelógia Martins. Humanidades Digitais: um campo praxiológico para mediações e políticas culturais. ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO. Anais. João Pessoas, v. 16, 2015.

ALVES, Daniel. As Humanidades Digitais como uma comunidade de práticas dentro do formalismo académico: dos exemplos internacionais ao caso português. Ler História, n. 69, p. 91-103, 2016.

ALVES, Lynn Rosalina Gama; ALMEIDA, Beatriz Oliveira de; OLIVEIRA, Marizete Pinheiro de. COMnPLAYer-ambiente interativo e lúdico para aprender ciência. Revista EducaOnline, v. 15, n. 2, p. 151-166, 2021.

ANVISA. Nota técnica GVIMS/GGTES/ANVISA Nº 04/2020. Orientações para serviços de saúde: medidas de prevenção e controle que devem ser adotadas durante a assistência aos casos suspeitos ou confirmados de infecção pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2). Atualizada em 31/03/2020, p. 1-73, 2020. Disponível em: https://link.ufms.br/MslSD. Acesso em: 04 mai. 2020.

APARICI, Roberto. Conectados no ciberespaço. São Paulo: Paulinas, 2012.

ARAUJO-FILHO, Jose de Arimateia Batista et al. Pneumonia por COVID-19: qual o papel da imagem no diagnóstico? Jornal Brasileiro de Pneumologia, v. 46, n. 2, p. 1-2, 2020.

BATISTA, Carla Jeane Farias; SOUZA, Marisa Magalhães. A Educação à distância no Brasil: regulamentação, cenários e perspectivas. Revista Multitexto, v. 3, n. 02, p. 11-15, 2015.

BRASIL ESTÁ ENTRE PAÍSES QUE FECHARAM ESCOLAS POR MAIS TEMPO NA PANDEMIA: 'É UMA DAS DECISÕES MAIS DIFÍCEIS'. BBC News Brasil, 08 de set. de 2020. Disponível em: https://link.ufms.br/rDYg8. Acesso em: 18 jul. 2021.

BERINO, Aristóteles de Paula; ELISON, Raquel. Quinhoar ensino de história na história pública: audiovisualidades do mundo. Educação em Foco, p. 197-216, 2020.

BEZERRA, Priscila Miranda. Ocupações artísticas na área central de São Paulo: Identidade e Resistência em meio a pandemia do COVID-19. Anais. Intercom – 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – VIRTUAL. 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primária à Saúde (SAPS). Protocolo de isolamento domiciliar. Brasília, 2020, 3 p. Disponível em: https://link.ufms.br/aQ915. Acesso em: 04 mai. 2020.

BUZATO, Marcelo El Khouri. Letramento e inclusão: do estado-nação à era das TIC. DELTA, v. 25, n. 1, p. 1-38, 2009. Disponível em: https://link.ufms.br/FOQhi. Acesso em: 12 set. 2021.

CAMILLO, Cíntia Moralles; MULLER, Liziany. Democratização e uso das tecnologias digitais nas escolas do campo: um estudo de caso. Perspectiva, v. 38, n. 3, p. 1-19, 2020.

COLL, César; MONEREO, Carles. Educação e aprendizagem no século XXI – novas ferramentas, novos cenários, novas finalidades. In: COLL, César; MONEREO, Carles (Org). Psicologia da educação virtual: aprender e ensinar com as tecnologias da informação e comunicação. Porto Alegre: Artmed, 2010. p.15-46.

CORREA, Alan; WARPECHOWSKI, Mariusa; PINTO, Andrio S. O uso dos motores de busca na Internet: como se configuram as pesquisas de conteúdo na Web para a produção de trabalhos educacionais. In: Anais do Workshop de Informática na Escola. 2014. p. 360. Disponível em: https://link.ufms.br/thtdQ. Acesso em: 29 jun.2020.

CORRÊA, Marlon Luís. ENSINO DE HISTÓRIA E HISTÓRIA DIGITAL: O DESENVOLVIMENTO DO LETRAMENTO HISTÓRICO-DIGITAL A PARTIR DE UM ESTUDO DE CASO. 2020. Disponível em: encontro2020.pe.anpuh.org. Acesso em: 12 mai. 2021.

COSTA, Sandra Regina Santana; DUQUEVIZ, Barbara Cristina; PEDROZA, Regina Lúcia Sucupira. Tecnologias Digitais como instrumentos mediadores da aprendizagem dos nativos digitais. Psicologia Escolar e Educacional, v. 19, n. 3, p. 603-610, 2015.

COSTA, Maria Luísa Furlan; SANTOS, Renata Oliveira dos; MENDONÇA, Camila Tecla Mortean. O Ensino Remoto Emergencial e a Contribuição na Formação de Humanidades Digitais em Tempos de Pandemia. Revista EducaOnline, v. 15, n. 2, p. 218-232, 2021.

COUTO, Edvaldo Souza; COUTO, Edilece Souza; CRUZ, Ingrid de Magalhães Porto. #FIQUEEMCASA: EDUCAÇÃO NA PANDEMIA DA COVID-19. Interfaces científicas, v.8, n.3, p.200-217, 2020.

DAMIAN, Ieda Pelógia Martins; SILVA, Rafaela Carolina da; SANTOS NETO, João Arlindo dos. Serviço de referência e informação no contexto da hibridez em bibliotecas. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 19, p. e021007-e021007, 2021.

DIAS-TRINDADE, Sara. Aprendizagem em rede. In: MILL, Daniel (Org.). Dicionário crítico de educação e tecnologias e de educação à distância. 1ª edição. Campinas: Papirus, 2018a. p.38.

DIAS-TRINDADE, Sara. GERAÇÃO MÓVEL 2.0: O “poder” do digital na criação de cenários sustentáveis de inovação pedagógica. 2° Seminário regional de formação de professores Agrinho. Sistema FAEP – SENAR. Paraná, 2018b.

DIAS-TRINDADE, Sara; CORREIA, Joana Duarte; HENRIQUES, Susana. Ensino remoto emergencial na educação básica brasileira e portuguesa: a perspectiva dos docentes. Revista Tempos e Espaços em Educação, v. 13, n. 32, p. 1-23, 2020.

DIAZ, Mirelys Puerta; ALVAREZ, Edgar Bisset; VIDOTTI, Silvana Aparecida Borsetti Gregório. Humanidades Digitais: visualização da produção científica. 2018. II Workshop de Informação - Dados e Tecnologia, UFPB, p.381-396, 2018.

DORNELLES, Dimy José Moreira; GROSSE, Ana Lena; GEDOZ, Sirlei Terezinha. HISTÓRIA PÚBLICA E DIGITAL: UMA REFLEXÃO SOBRE A TECNOLOGIA E O ENSINO DE HISTÓRIA. 2020. Disponível em: perspectivas2020.abeh.org.br. Acesso em: 15 mai. 2021.

FERREIRA, Maria Aline. Humanidades e ciências: o valor das sinergias. Biblos: Revista da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, n. 1, p. 153-181, 2015.

FIGUEIREDO, Antônio Dias. Por uma escola com futuro...para além do digital. Nova Ágora, n. 5, p. 19-21, 2016.

GOEDERT, Lidiane; ARNDT, Klalter Bez Fontana. Mediação pedagógica e educação mediada por tecnologias digitais em tempos de pandemia. Criar Educação, v. 9, n. 2, p. 104-121, 2020.

GUERREIRO, Dalia. Museologia e as tecnologias digitais: dispositivos para a documentação e comunicação dos patrimônios. 2020.

KENSKI, Vani M. Cultura digital. In: MILL, Daniel (Org.). Dicionário crítico de educação e tecnologias e de educação à distância. 1ª edição. Campinas: Papirus, p.139-144, 2018.

KOSTECZKA, Luiz Alexandre Pinheiro. História Digital na Era das Big Tech. Revista Aedos, v. 12, n. 27, p. 641-669, 2021.

LANGARO, Adriano et al. A Educação, suas Mudanças e o Conectivismo. VII Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária, p. 1-11, 2013.

LHAMAS, Fernando Antonio de Melo Pereira; MULLER, Rodrigo. Tecnologias e Sociedade: o papel dos indivíduos na criação de fatos e artefatos. Revista Interdisciplinar de Gestão Social, v. 10, n. 1, 2021.

LIMA, Ivonaldo Pereira; VIANA, Maria Aparecida Pereira. Prática docente com uso das tecnologias digitais da informação e comunicação: possibilidades e limites. In: MERCADO, Luis Paulo Leopoldo; VIANA, Maria Aparecida Pereira; PIMENTEL, Fernando Silvio Cavalcante (Orgs.). Estratégias Didáticas e as TIC – ressignificando as práticas na sala de aula. Maceió: Edufal, p.99-120, 2018.

LOYO, Carlos Eduardo Díaz; ANECLETO, Úrsula. Práticas discursivas de docentes no ensino médio na esfera digital: mudanças e experiências durante a pandemia na Venezuela. H2D| Revista de Humanidades Digitais, v. 2, n. 2, 2020.

LUCCHESI, Anita; SILVEIRA, Pedro Telles da; NICODEMO, Thiago Lima. Nunca fomos tão úteis. Esboços: histórias em contextos globais, v. 27, n. 45, p. 161-169, 2020.

MACHADO, Ana Carolina. História digital em tempos de crise: as demandas do tempo imediato e suas implicações no trabalho dos historiadores. Revista Aedos, v. 12, n. 26, p. 69-99, 2020.

MERCADO, Luís Paulo Leopoldo et al. Internet e suas interfaces na formação para docência online. SILVA, Marco (Org.). Formação de professores para a docência online. São Paulo: Loyola, p. 111-137, 2012.

MILL, Daniel. Flexibilidade pedagógica na cultura digital. In: MILL, Daniel (Org.). Dicionário crítico de educação e tecnologias e de educação à distância. 1ª edição. Campinas: Papirus, p.259-263, 2018.

MOREIRA, J. António; SCHLEMMER, Eliane. Por um novo conceito e paradigma de educação digital onlife. Revista UFG, v. 20, n. 26, 2020.

MORRISSEY, Jerome. O uso da TIC no ensino e na aprendizagem: questões e desafios. In: APARICI, Roberto (Org.). Conectados no ciberespaço. São Paulo: Paulinas, 2012. p.269-298.

OLIVEIRA, Luis Felipe Rosa de; MARTINS, Dalton Lopes. O Estado da Arte em Pesquisas sobre Humanidades Digitais no Brasil. PRACS: Revista Eletrônica de Humanidades do Curso de Ciências Sociais da UNIFAP, v. 10, n. 1, p. 09-20, 2017.

OLIVEIRA, Ana Emília de; SILVA, Everaldo da. A educação a distância e sua contribuição na inclusão social. Cadernos Zygmunt Bauman, v. 5, n. 10, p. 10-18, 2016.

PIMENTEL, Fernando Silvio Cavalcante. Interação Online: Um Desafio Da Tutoria. Clube de Autores (managed), 2013.

PIMENTEL, Fernando Silvio Cavalcante; COSTA, Cleide Jane de Sá Araújo. A cultura digital no cotidiano das crianças: apropriação, reflexos e descompassos na educação formal. Interfaces Científicas-Educação, v. 6, n. 3, p. 135-146, 2018.

PLETSCH, Márcia Denise; MENDES, Geovana Mendonça Lunardi. Entre a espera e a urgência: propostas educacionais remotas para crianças com Síndrome Congênita do Zika Vírus durante a pandemia da COVID-19. Práxis Educativa (Brasil), v. 15, p. 1-16, 2020.

PLETSCH, Márcia Denise; OLIVEIRA, Mariana Corrêa Pitanga de; COLACIQUE, Rachel Capucho. Apresentação-inclusão digital e acessibilidade: desafios da educação contemporânea. Revista Docência e Cibercultura, v. 4, n. 1, p. 13-23, 2020.

PLETSCH, Márcia Denise; SOUZA, Flávia Faissal de. Educação comum ou especial? Análise das diretrizes políticas de educação especial brasileiras. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, p. 1286-1306, 2021.

PORTELA, Cristiane de Assis; ROCHA JR, Deusdedith Alves. Ensino de História em tempos de pandemia: produção autoral e co-criação no Curso “Outras Brasílias”, Universidade de Brasília. H2D| Revista de Humanidades Digitais, v. 2, n. 2, 2020.

PRATA, Carmem Lúcia. Gestão escolar e as tecnologias. ALONSO, Myrtes; ALMEIDA, Maria Elizabeth B. De; MASETTO, Marcos Tarciso, 2010. Disponível em: https://link.ufms.br/m4ckj. Acesso em: 04 mai.2020.

RAMÍREZ-CASTAÑEDA, Luz Arabany; SEPÚLVEDA-LÓPEZ, Jheimer Julián. Digital divide and digital inclusion: 49ócio-technological phenomena. Revista EIA, v. 15, n. 30, p. 89-97, 2018.

SERAFIM, Maria Lúcia; SOUSA, Robson Pequeno de. Multimídia na Educação: O vídeo Digital Integrado ao contexto escolar, IN: Tecnologias digitais na educação. EDUEPB. Campina Grande-PB, p. 19-50, 2011.

SIEMENS, George. Conectivismo: uma teoria da aprendizagem para a era digital. In: APARICI, Roberto (Org.). Conectados no ciberespaço. São Paulo: Paulinas, 2012. p.83-97.

SILVA, Cicero Inacio; ALMEIDA, Jane de; HOOPER, Silvana Seabra. As Humanidades Digitais e as novas formas de disseminação do conhecimento. Lumina, v. 10, n. 2, 2016.

SILVA, Givanildo da; VIANA, Maria Aparecida Pereira. As tecnologias na educação: o papel da equipe gestora nas práticas pedagógicas. In: MERCADO, Luis Paulo Leopoldo; VIANA, Maria Aparecida Pereira; PIMENTEL, Fernando Silvio Cavalcante (Orgs.). Estratégias Didáticas e as TIC – ressignificando as práticas na sala de aula. Maceió: Edufal, 2018. p.141-159.

SILVA, Karen Pereira da. Grupo “História de Guaíba”: uma iniciativa de História Pública Digital no Facebook. Revista Aedos, v. 12, n. 26, p. 48-68, 2020.

SILVA, Robson Santos da. Gestão de EaD: educação a distância na era digital. São Paulo: Novatec Editora, 2017.

SOARES, Magda. Novas práticas de leitura e escrita: letramento na cibercultura. Educação e Sociedade, v. 23, n. 81, p. 143-160, 2002. Disponível em: https://link.ufms.br/NITIO. Acesso em: 12 set.2021.

THE WORLD BANK. IBRD-IDA/World Bank Group. EDUCATIONAL POLICIES IN THE COVID-19 PANDEMIC: what can Brazil learn from the world? Versão de 8 de abril de 2020a. Disponível em: https://link.ufms.br/m81j6. Acesso em: 04 mai.2020.

THE WORLD BANK. IBRD-IDA/World Bank Group. Remote Learning and COVID-19: The use of educational technologies at scale across an education system as a result of massive school closings in response to the COVID-19 pandemic to enable distance education and online learning. Versão de 16 de março de 2020b. Disponível em: https://link.ufms.br/i2L39. Acesso em: 04 mai. 2020.

TODOS PELA EDUCAÇÃO. EDUCAÇÃO FRENTE À PANDEMIA: Desafios regulatórios e pedagógicos com a suspensão temporária das aulas. 2020a, 6p. Disponível em: https://link.ufms.br/HoeIp. Acesso em: 04 mai. 2020.

TODOS PELA EDUCAÇÃO. Nota técnica – ensino a distância na educação básica frente à pandemia da Covid-19. 2020b, 19p. Disponível em: https://link.ufms.br/RIA0s. Acesso em: 04 mai. 2020.

VIANNA, José Antonio. Educação à distância, inclusão e mobilidade social. InterSciencePlace, v. 1, n. 5, p. 1-12, 2015.

VIDAL, Odaléa Feitosa; MERCADO, Luís Paulo Leopoldo. Práticas pedagógicas inovadoras: narrativas sobre integração das tecnologias digitais da informação e comunicação no ensino superior. 2015. In: COSTA, Cleide Jane de Sá Araújo; PIMENTEL, Fernando Silvio Cavalcante. (Orgs.). Educação e Tecnologias da Informação e Comunicação. Inovação e Experimentos. Maceió: Edufal, 2017.

WELLE, Janaína; CARVALHO, Aline Vieira de; DE GRACIA, Guillermina Itzel. Audiovisual e patrimônios: reflexões a partir de práticas panamenhas. Historiæ, v. 12, n. 1, p. 100-128, 2021.

WIZIACK, João Carlos; SANTOS, Vitor Duarte dos. Pedagogia Transformadora e o Reaprender nas Humanidades Digitais. Revista Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação, n. E17, p. 610-625, 2019.

Publicado
2021-12-27
Como Citar
Mércia Barbosa Malta Rocha, L., & de Sá Araújo Costa, C. J. (2021). DEMOCRATIZAÇÃO DO CONHECIMENTO NO CENÁRIO DAS HUMANIDADES DIGITAIS FRENTE À INCLUSÃO TECNOLÓGICA EDUCACIONAL NA PANDEMIA COVID-19. Revista Edutec - Educação, Tecnologias Digitais E Formação Docente, 1(1), 30. https://doi.org/10.55028/edutec.v1i1.13650
Seção
Dossiê: Educação e tecnologias digitais em cenários de transição