Processo Editorial para Avaliação dos Textos

O processo editorial da Revista InterMeio se constitui em um dos mais importantes para a nossa revista. A Revisão por pares é a base sobre a qual repousa a qualidade editorial dos periódicos.  Sendo assim os textos recebidos serão encaminhados para dois avaliadores ad hoc, com título de doutor, nacionais ou internacionais com produção reconhecida na área de avaliação. O anonimato dos autores e avalaidores será preservada durante todo o processo de comunicação no Sistema Eletrônico de Revistas (SEER). Os aspectos gerais que orientam a avaliação dos textos encaminhados aos pares para a análise são: a organização da estrutura do texto, o domínio da literatura científica; a produção textual fluente, coesa e adequada à escrita acadêmica; além de questões gerais relacionadas ao objeto de estudo e às apropriações teóricas e metodológicas presentes no artigo.

O parecer constitui-se em um breve texto com considerações a respeito da submissão, sendo registrado no sistema. O parecer final poderá estar enquadrado dentro de uma das três seguintes decisões: a) Aceito para publicação com mínimas observações; b) Pode ser publicado desde que sejam feitas algumas adequações; c) Não aceito para publicação.

Caso ocorram pareceres divergentes, o artigo será enviado para um terceiro avaliador que exercera a função de consultor.

A revista publica anualmente os nomes de seu corpo de pareceristas ad hoc.

 

Os elementos da Avaliação na Revista InterMeio:

A equipe editorial fixa a avaliação dentro dos seguintes elementos:

1)         ANONIMATO: O processo de avaliação é um processo anónimo, tanto pelo texto que você deve avaliar (não deve ter identificação) tanto porque sua identidade fica protegida à luz dos autores proponentes do texto;

2)         AVALIAÇÃO POR PARES: Todo texto tem uma triada de avaliadores proposto, porém apenas dois o recebem; um terceiro avaliador fica considerado no caso de empate;

3)         DUPLO CEGO: Os avaliadores não devem se conhecer entre eles;

4)         ANÁLISE QUALITATIVA E QUALITATIVA: O processo de avaliação na Revista InterMeio se combina de uma análise qualitativa conclusiva descritiva sobre o texto avaliado, e uma análise quantitativa na base de questões objetivas propostas no quadro embaixo. Sua análise qualitativa pode considerar elementos da análise quantitativa se achar mais viável. Para isso, utiliza seu instrutivo guia para os avaliadores.

Assim mesmo, a Revista InterMeio, é um periódico eletrônico de acesso aberto, tem a missão de publicar periodicamente artigos originais oriundos de pesquisa na área educacional, assim como ensaios, resenhas e traduções de amplo interesse acadêmico. Tem como propósito abordar questões atuais e significativas para a compreensão dos fenômenos educativos, e aceita textos diretamente relacionados à área de Educação, com os seguintes pré-requisitos:

 

I - Devem ser inéditos, que não tenham sido publicados em outros periódicos ou anais de eventos. Para cumprir com este quesito, autores devem baixar a Declaração de originalidade, devidamente preenchida e subida na seção Documentos complementários.

II - Devem ser redigidos em uma destas línguas: português, inglês, espanhol, francês.

III - Devem ser compostos por até três (3) autores:

  1. a) Para o caso de autoria individual, o autor deve ter exclusivamente o título de Doutor.
  2. b) Em caso de coautoria, um (1) dos autores poderá estar na condição de acadêmica(o) do Curso de Doutorado, sendo os demais, obrigatoriamente doutores.
  3. c) Artigos de graduados e mestres não são aceitos.

IV- Apresentar e subir devidamente preenchida o Termo de cessão de direitos autorais ao Equipe editorial da Revista InterMeio.

V - Devem seguir os aspectos formais indicados nas Diretrizes aos Autores.

Na ocasião da submissão os artigos não podem conter identificação com os nomes dos autores no texto original. Os(as) autores(as) do manuscrito indicam seus nomes completos no campo estabelecido no sistema de submissão, sendo obrigatório também informar o nível de escolaridade, o ORCID, a filiação institucional, o link do currículo (lattes para autores brasileiros, ou outro para autores internacionais) e o resumo da biografia.     Este passo é obrigatório para completar a publicação.

VII. Opiniões e perspectivas expressas no texto, assim como a precisão e a procedência das citações são de responsabilidade exclusiva do autor.

VIII. Desde 1º de agosto de 2021, recomenda-se em função da política de internacionalização, que os artigos (de autores brasileiros) submetidos à revista – para composição dos Dossiês Temáticos e/ou seção de demanda contínua - se aprovados, sejam vertidos para uma língua estrangeira (podendo ser em inglês, espanhol, francês ou italiano). A responsabilidade e os custos com a tradução e a sua respectiva revisão deverão ser assumidos pelo(s) autor(es) do artigo. A InterMeio publicará as duas versões do texto (em português e na língua estrangeira escolhida pelo autor). No texto traduzido, deverão constar os créditos do responsável pela tradução (nome e endereço eletrônico).

 

Em caso de aprovação, o manuscrito será submetido à revisão de linguagem e normalização bibliográfica, cuja responsabilidade será exclusivamente do(a) autor(a). Será necessário apresentar a comprovação do trabalho realizado por este profissional. A InterMeio poderá sugerir profissionais cadastrados(as) que realizam o trabalho de revisão e normalização, caso necessário. Casos excepcionais serão avaliados pela equipe editorial.

Os manuscritos que estiverem fora das exigências editoriais da Revista são devolvidos aos autores(as). Encontram-se nesse conjunto textos que não tratem de uma problemática central da área educacional; não apresentem contribuições significativas para a análise da temática abordada. E no tocante aos artigos, serão rejeitados, também, os manuscritos que: sejam meramente descritivos, sem desenvolver uma análise teórica e metodológica da questão abordada; não apresentem elementos empíricos ou argumentações suficientemente desenvolvidas que fundamentem as suas análises e conclusões.

A Equipe Editorial pode definir pela publicação de artigo, documento ou entrevista por encomenda, com o propósito de colaborar com algum debate mais premente da área. Esse artigo ou documento será objeto de avaliação apenas pela Comissão Editorial.