A OFICINA MOMENTO DE LEITURA EM UMA ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL NO MUNICÍPIO DE ARIQUEMES (RO): CONTEXTOS E PRETEXTOS

  • Silvana de Fátima dos Santos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO)
  • Eliane de Araújo Teixeira Secretaria Municipal de Educação de Ariquemes, Rondônia.
  • Francisco Roberto da Silva de Carvalho Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso do Sul (IFMS).

Resumo

Este trabalho resulta de uma pesquisa acerca do desenvolvimento  da oficina Momento de Leitura, como componente curricular de 1º ao 5º Ano do Ensino Fundamental, em uma instituição de ensino em tempo integral no município de Ariquemes (RO). Norteada pelas indagações: qual a concepção de educação integral que norteia a implantação do projeto na rede municipal de ensino? Quais as condições efetivas em que a oficina curricular Momento de Leitura tem sido desenvolvida na instituição analisada?, o objetivo da pesquisa conduziu à análise de fatores que implicam na organização escolar e no desenvolvimento do trabalho pedagógico da oficina Momento de Leitura. Quanto aos procedimentos, esta configura-se como uma pesquisa documental e recorre à observação empírica para subsidiar a compreensão dos fenômenos. A coleta de dados compreendeu a análise dos documentos que normatizam e norteiam a política de ampliação do tempo escolar na rede municipal de ensino, além da análise de documentos e registros institucionais e a observações das aulas no decorrer do 2º semestre do ano letivo de 2018. Apreende-se que  ampliar o tempo escolar, requer além de uma concepção transformadora de educação. Entretanto, implica: condições de infraestrutura, formação profissional, financiamento educacional e considerar os alunos sujeitos históricos. 

 

Biografia do Autor

Silvana de Fátima dos Santos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO)
Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” Campus de Marília. Técnica em Assuntos Educacionais do Instituto Federal de Rondônia (IFRO).
Eliane de Araújo Teixeira, Secretaria Municipal de Educação de Ariquemes, Rondônia.

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR); Professora da Educação Básica vinculada à Secretaria Municipal de Educação de Ariquemes, Rondônia.

Francisco Roberto da Silva de Carvalho, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso do Sul (IFMS).

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR); Técnico Em Assuntos Educacionais do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso do Sul (IFMS).

Referências

ARIQUEMES, Projeto político-pedagógico. SEMED: Ariquemes (RO) 2017.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao /ConstituicaoCompilado.htm>. Acesso em: 15 set. 2018.

BRASIL. Lei de diretrizes e bases da educação nacional. Lei número 9394, 20 de dezembro de 1996.

BRASIL. Plano nacional de educação 2014-2024. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014, que aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) e dá outras providências - Brasília: Câmara dos Deputados, Edições Câmara, 2014.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lei Diretrizes e Bases da EducaçãoNacional. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03 /leis/l9394. htm>. Acesso em: 15 set. 2015.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) e dá outras providências. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, 26 jun. 2014.

CAVALIERE, Ana Maria. Tempo de escola e qualidade na educação pública. Educação e Sociedade, Campinas, v.28, n. 100, p. 1015-1035, out. 2007. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/es/v28n100/a1828100.pdf> Acesso em: 30 out. 2018.

CONNELL, Robert. Pobreza e educação. In: Gentili, Pablo (Org.). Pedagogia da exclusão: crítica ao neoliberalismo em educação. 19. ed. Petrópolis: Vozes, 2013. p. 11-40.

FOUCAMBERT, Jean. Modos de ser leitor: aprendizagem e ensino da leitura no ensino fundamental. Curitiba: Editora UFPR, 2008. p.61-84.

LECLERC, Gesuína de Fátima Elias; MOLL, Jaqueline. Programa Mais Educação: avanços e desafios para uma estratégia indutora da Educação Integral e em tempo integral. Educar em Revista, Curitiba, Brasil, n. 45, p. 91-110, jul./set. 2012. Editora UFPR. Disponível em: Disponível em: . Acesso em: 10 set. 2018.

MACIEL, Antônio Carlos; BRAGA, Rute Moreira; RANUCCI, Adriana Martins Carneiro. Projeto burareiro de educação integral: original. 1. ed. Porto Velho: Temática Editora, 2016.

MARTINS, Maria Helena. O que é leitura. 19ª ed. Ed. Brasiliense. São Paulo, 2006. Coleção: Primeiros passos; 74.

Marx; Karl. Instruções para os delegados do conselho central provisório. Avante Edições, 1982.

OLSON, David. O mundo no papel: as implicações conceituais e cognitivas da leitura e da escrita. Tradução Sérgio Bath. São Paulo: Ática, 1997.

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ARIQUEMES (RO). Projeto Burareiro de educação integral. Ariquemes: SEMED, 2013.

Publicado
2021-07-20
Como Citar
Santos, S. de F. dos, Teixeira, E. de A., & Carvalho, F. R. da S. de. (2021). A OFICINA MOMENTO DE LEITURA EM UMA ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL NO MUNICÍPIO DE ARIQUEMES (RO): CONTEXTOS E PRETEXTOS. InterMeio: Revista Do Programa De Pós-Graduação Em Educação - UFMS, 27(53). https://doi.org/10.55028/intermeio.v27i53.8278